sexta-feira, 25 de março de 2022

Brasil pentecostal se apropria dos Governos

A Folha prefere os pentecostais... Mesmo não se declarando formalmente, é evidente que as matérias publicadas pelo jornal Folha, dá mai espaço às alianças entre os Evangélicos Pentecostais e os conservadores neoliberais. Como assim? A Folha sempre deu espaço aos intelectuais e setores mais progressitas... Intelectualmente sim, mas, economica e politicamente, a Folha continua neoliberal, aliada aos Estados Unidos em seu conservadorismo e às empresas americanas. Como oa evangélicos pentecostais, tipo Edir Macedo, estão mais preocupados em ver suas Igrejas crescerem economicamente, a Folha se alia as evangélicos alienados politicamente, para combater as ideias progressistas e de inclusão social dos setores progressistas e de partidos como PT, PSB, PC-B e PDT... Esta discussão não pode ser abstrata, precisa ser traduzida para o dia à dia docidadão comum. Por exemplo, garantir investimentos e prioridade nas Políticas Públicas, garantindo-se Escolas Públicas de qualidade, assistência médica de fácil acesso, viabiliar moradia popular e transporte coletivo ágil e de qualidade. Tudo isto custa dinheiro, investimento? Custa. Mas é garantindo formação qualificada que vamos poder competir no mercado internacional. São dois modelos de economia, de política e de qualidade de vida. As eleições são momentos oportunos para se fazer este debate e sr garantir compromissos públicos de mudanças de qualidade de vida na prática. A imprensa tem grande responsbilidade na qualificação do povo brasileiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário