domingo, 8 de agosto de 2021

Estados Unidos nas Olimpíadas: Estamos velhos mas não estamos mortos

Estados Unidos nas Olimpíadas: Estão velhos mas não morreram Talvez por euforia, ou talvez pata testar a vaidade americana, os chineses denunciaram a tentativa dos americanos alterarem a forma de divulgação das medalhas. Até aqui os chineses estavam certos. Os americanos, assustados com os bons resultados dos chineses, procuraram uma desculpa – a pandemia – alegando que não tinham priorizados as Olímpiadas... Até então, a China chegou a botar 8 medalhas de vantagem. A China estava toda vaidosa... Mas as disputam foram acontecendo e, a China ficou parecendo peixe cansado pelo anzol... Os americanos foram chegando, chegando, e, no último dia conseguiram mostrar aos chineses e ao mundo, que ainda são os melhores. Ganharam nas medalhas de OURO por 39 a 38; ganharam nas pratas por 41 a 32 e ganharam no bronze por 33 a 18. No total das medalhas, os Estados Unidos ganharam por 113 a 88. Considerando que a China já está entre os três melhores do mundo em praticamente quase tudo, a China precisa lembrar que a Humildade, mesmo que fingida, seja melhor que a vaidade não realizada. Confúcio repetia sempre isso. Os brasileiros gostam de dizer que “ o jogo só termina quando o juiz apita”. Por falar em Olimpíadas, o Japão saiu vitorioso porque, além de conquistar muitas medalhas e ficar no terceiro lugar, tudo funcionou bem, nos moldes tradicionais do Japão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário