sábado, 12 de junho de 2021

Um blog com um milhão de amigos

Um milhão de acessos, 126 países e muitas histórias Hoje passamos de 900 mil acessos e breve chegaremos a um milhão. Um blog pode servir para muitas coisas, pode ser amador ou profissional, pode ser mais voltado para um tema predominante ou pode ser aberto aos assuntos variados. O nosso blog, que começou como um pedido dos colegas de Formação Sindical, que pediram-me para eu escrever sobre minhas experiências na vida. Contar os casos e os causos... Passamos dez anos e hoje passamos de 900.000 acessos acumulados nestes dez anos. Não é fácil escrever todos os dias, mas, da mesma forma que fizemos a Folha Bancária diária, valorizamos o registro histórico e as experiências, Abordamos diariamente temas como democracia, políticas públicas, economia, empresas e negócios, guerras e crises internacionais, cultura, esporte, religião, famílias, e natureza, flores especialmente. O curioso é que temos mais leitores internacionais do que nacionais. Por exemplo, no período atual – porque varia conforme a época – na lista de países, o Brasil está em quarto lugar, atrás da Indonésia, da Suécia e dos Estados Unidos. Tem época que fica também atrás da China ou de Hong Kong. Dos 126 países, veja a sequência dos 22 primeiros: 1 – Indonésia, 2 – Suécia, 3 – USA, 4 – Brasil, 5 – Alemanha, 6 – França, 7 – Irlanda, 8 – Bélgica, 9 – Canadá, 10 – Estônia, 11 – Espanha, 12 – Itália, 13 – Rússia, 14 – China, 15 – Uruguai, 16 – Argentina, 17 – Japão, 18 – Hong Kong, 19 – Austrália, 20 - Emirados Árabes, 21 – Israel e 22 – Cazaquistão. Sempre abordamos os assuntos sob o prisma da democracia, da liberdade, da diversidade e das análises comparativas no tempo histórico. Da mesma forma que defendemos a liberdade partidária, defendemos também a liberdade religiosa e o direito de não se ter religião. Muitas vezes as guerras são feitas em nome de um Deus, como se o Deus de um fosse melhor do que o Deus do outro. Quando na verdade as guerras são coisas dos humanos, não deste ou daquele Deus. Tem algo mais contraditório do que a guerra entre Israel e os Árabes? A melhor guerra santa que eu conheço é de todos os países contra o vírus assassino e a necessidade de se vacinar todo mundo. A economia se esconde atrás da política, como o preconceito e a intolerância também se escondem atrás da política. Resultado: O povo odeia os políticos...

Um comentário:

  1. Gilmar, meu velho amigo e companheiro de lutas, desejo vida longa a você e ao blog. Eu também faço esse esforço de dialogar com o mundo através dos blogs que tenho, o de cultura e o sindical. São mais ou menos 13 anos de existência, são quase 5 mil postagens e cerca de 1,5 milhão de acessos nessa história de escrever e conversar com o mundo. Um fraterno abraço e tamo junto, mano véio! William Mendes

    ResponderExcluir