terça-feira, 10 de novembro de 2020

Inflação quase acaba com churrasco

Brasileiro adora churrasco Uma boa massa, como lembrança da Itália, e um bom churrasco são dois momentos que todo brasileiro gosta de reunir a família e contar histórias e assistir ao futebol. Os economistas brasileiros inventaram uma forma de medir inflação onde a maioria dos produtos não está incluída na medição. Quer alguns exemplos? Nosso amigo, Nelson Canesin, sentindo o clima das eleições municipais decidiu organizar um churrasco com os amigos. Como sempre faz, telefonou para mercadinho perto da casa dele e ediu um quilo de contra filé e um quilo de linguiça toscana. Quando foi buscar a carne, ao chegar no caixa achou que a conta estava errada... O contra filé estava custando 56,00 reais o quilo e a linguiça estava a 28,00 reais! O dono do mercadinho avisou que a PICANHA está a 60,00 reais o quilo. Pagou e saiu reclamando, afinal tinha que comprar ração para os peixes e milho para as galinhas. Outro susto! O saco de milho, que estava a 65,00 no mes passado, está custando 90,00! A ração para os peixes, subiu menos: Foi de 65,00 para 80,00 reais. E o governo diz que a inflação é de 2,55. MENTIROSO! Agora entendi porque Nelson Canesin anda mais magro. É o regime inflacionário...

4 comentários:

  1. Te contei o que aconteceu comigo e fui parar no blog (rs).

    ResponderExcluir
  2. Mas o churrasco era só eu e meu irmão que é rigoroso na quarentena. Sem mais ninguém, afinal sou do grupo de risco.

    ResponderExcluir
  3. Com 1kg de contra e 1 de linguiça para dois, mesmo caro é difícil imaginar que fique magro...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por que você acha que te pedi a receita do arroz carreteiro?

      Excluir