sexta-feira, 18 de setembro de 2020

Faltando 46 dias para Trump perder as eleições

Falta apenas um mês e meio para 03 de Novembro Começamos a contagem regressiva a partir de 75 dias. Já chegamos em 46/75 dias... Quatro anos parece um eternidade quando começa um mandato de governoruim, mas 46 dias dá uma alegria saber que daqui a pouco ficaremos livres de Trump. É um alívio danado. Quando falamos em faltar poucos dias para as eleições americanas é porque, para nós, democracia e eleições são princípios e forma de se medir o grau de liberdade e de convivência em uma país ou região. Os Estados Unidos se formaram fazendo guerras e tomando terras e governos dos outros. Apesar deste lado belicoso, os americanos têm seu lado bom. O jazz, o basquete, o crescimento tecnológico e econômico e o mercado de trabalho tanto para os americanos como para os imigrantes. Com a Doutrina Monroe, e as guerras europeias que viraram guerras mundiais, os Estados Unidos viraram xerifes do mundo, principalmente da América Latina que, pela divisão dos territórios, ficou como QUINTAL dos Estados Unidos. Além de continuar interferindo nas eleições e nos governos da América Latina, a Folha de hoje mostra os documentos da CIA e de Nixon, deixando claro que os Estados Unidos não aceitariam que o povo chileno elegesse Allende para presidente em 1972. O povo chleno elegeu e os Estados Unidos mandaram os militares chilenos derrubar o governo eleito e matar quem fosse necessário... Mudou muito pouco, antes os americanos mandavam os militares darem golpes de Estado, agora quem executa os golpes é o judiciário e não mais os militares. O direito virou instrumento público da direita. Mas, hoje o Chile é um país democrático, apesar das milhares de mortes causadas pelos ditadores naépoca. O Brasil passou por mais um golpe de Estado em 2016. Mas, é importante lembrar que a leva de golpes de Estado da época de 70, começou com o Brasil em 1964. Aos poucos vamos reconquistando nossa dignidade e nossa soberania nacional. Fora Trump lá e fora Bolsonaro aqui...

Nenhum comentário:

Postar um comentário