sábado, 22 de agosto de 2020

Bayern e PSG - Um jogo e muitas lições

No mata-mata, nem sempre o melhor é quem ganha.

Os brasileiros, particularmente a imprensa, estão tentando criar um clima de que o jogo neste domingo, que será mano-a-mano, será ganho pelo PSG, porque o time francês tem Neymar e este definirá o resultado final. Esta imagem messiânica de Neymar é um equívoco e ele, até agora, não teve este perfil.

Não serão onze Neymares contra o Bayern.
Muito pelo contrário, será uma máquina de guerra, que joga 90 minutos e quer fazer gols até na prorrogação. Para o Bayern, não basta vencer com futebol feio, o importante é ganhar de goleada e jogando bonito.

Neymar e os meninos do PSG podem ganhar?
Podem. A sorte está lançada e o resultado do jogo não está definido pelo destino. Serão corações e mentes jogando tudo que podem e que sabem para brilharem.

FAÇAM-SE À LUZ E QUE BRILHEM OS ATLETAS.


Vamos fazer uns exercícios de bom senso:

1 - Se o campeonato fosse por "pontos corridos", o Bayern estaria bem mais na frente da tabela, seria o campeão por antecipação e o jogo seria apenas para cumprir tabela e entregar as faixas;

2 - Mas o campeonato é no mata-mata, isto é, a cada partida, quem perde sai e quem ganha vai enfrentando novos times;

3 - O mata-mata muitas vezes é muito ingrato. Se o Bayern perder, sua torcida vai ficar muito puta, com toda razão. Mesmo perdendo o título, o Bayern já é moralmente campeão.

4 - E como o PSG poderá derrotar o Bayern?

5 - O PSG tem que saber que o jogo tem 90 minutos e o Bayern corre e chuta durante os 90 minutos, se o PSG cansar, toma goleada;

6 - O PSG tem que evitar "perder gols". O Lyon contra o Bayern perdeu dois gols no início da partida que poderiam ter definido a partida.

7 - No segundo gol do Bayern contra o Lyon, tinha cinco jogadores do Bayern em frente do goleiro do Lyon, enquanto a defesa do Lyon estava mais avançada. Bobeou, dançou!

8 - O Bayern quando chuta a gol ou cabeceia, tem um desempenho maior que todos os demais times. Portanto, o PSG tem que marcar a bola e prestar atenção nos jogadores do Bayern. eles jogam pelas costas do adversário, pegando-os desprevenidos e aí é gol na certa, quebrando o moral do adversário;

9 - Um forma bonita do Bayern jogar é quando eles fazem longos lançamentos, cobrindo o meio de campo do adversário. Se a defesa do PSG adiantar muito pode levar uma cobertura desta e tomar gol sem necessidade;

10 - Se Neymar e o outro jovem goleador do PSG podem desequilibrar o jogo, Muller e Levandovsky têm o time todo com eles desequilibrando a partida;

11 - Um outro cuidado muito comum no futebol, principalmente quando os times são desiguais, é um dos times fazer um a zero e tentar segurar o resultada. Em vez de fazer mais gols ou ocupar os espaços do campo, prendendo a bola mas não ficar na defesa esperando a pressão do Bayern;

12 - Quem será o melhor jogador do mundo?
A imprensa está vendendo a ideia de que Neymar é merecedor do prêmio. Pelo histórico de Neymar, um passado mais de problemas do que de liderança saudável, ele bem que merece. Neymar nem parece aquele Neymar encrenqueiro do Santos e da Seleção brasileira.

13 - A esta altura do campeonato e a convivência com a pandemia, que mudou o tempo e a forma do campeonato, os dois times são merecedores dos melhores elogios. Que façam um belo jogo, como vêm fazendo até agora e que ganhe o TIME melhor neste jogo.

14 - Que Neymar continue crescendo como pessoa, que o PSG continue crescendo como time e que o Bayern continue revolucionando o futebol, como vem fazendo. Que Levandovsky e Muller continuem brilhando.

15 - Finalmente, é bom lembrar que AS ARQUIBANCADAS ESTARÃO VAZIAS por causa do virus, mas as televisões mundo todo ESTARÃO LIGADAS.

- QUE SE FAÇA UM MINUTO DE SILÊNCIO EM MEMÓRIA DOS MILHARES DE MORTOS E QUE SE CONSIGA LOGO AS VACINAS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário