quarta-feira, 17 de junho de 2020

Brasil: Caminhos e Encruzilhadas

A pandemia fez com que as certezas deixassem de ser certezas

- As pessoas fazem os seus planos, e nem sempre conseguem realizá-los.

- As empresas fazem seus planejamentos, e, muitos vezes, os governos mudam as políticas, levando os planejamentos ao fracasso.

- As pessoas procuram lugares mais ricos e mais férteis, como forma de facilitar a sobrevivência, mas, muitas vezes, são nos lugares mais áridos que as pessoas encontram seus sonhos e suas realizações.


- O Brasil passa por estes momentos que muda a vida da pessoas, das empresas e das comunidades.


- A vida trouxe o Brasil até os dias de hoje, grande, cheio de  potencialidades, mas com seus líderes cheios de desejos mas com pouco planejamento que viabilizasse a transformação deste país numa grande Nação.

- O Brasil progrediu materialmente, mas ainda falta progredir em caráter e em sabedoria.

- Democracia, liberdade, legitimidade e autoridade não se ganham, se constrói, se conquista.

- Acabou o tempo da vida fácil, tanto para os negócios como para os empregos.

- Vamos ter que reaprender a conquistar as coisas que quisermos ter.

- Vamos ter que ensinar nas escolas e nas famílias que tudo na vida precisa ser conquistado se quiser ter valor.

- Uma maioria estimulada pelo ódio, pela inveja e pelo preconceito votou por uma proposta que era uma mistura de ilusão com má fé e ódio de classe. Pagaram para ver o que aconteceria. Levaram o Brasil para o impasse e para a recessão destruidora.

Estamos num impasse:

- não sabemos para onde estamos indo nem onde chegaremos.

- mas pressentimos que as mudanças serão profundas.


Seja o que Deus quiser!

Os caminhos e as encruzilhadas estão na nossa frente.

Cada um que faça a sua escolha...

Nenhum comentário:

Postar um comentário