terça-feira, 7 de maio de 2019

Liverpool e Barcelona, uma aula de oportunidades

Ganhar de 3 a 0 e perder de 4 a 0 é de chorar

Se no futebol, o mundo pode presenciar tanta dedicação, tanta vontade de ganhar e o resultado ser invertido, isto é, quem achava que estava tudo garantido, ver escorregar pelos dedos, como água, e tomar de 4 a 0, é tão duro quanto perder em casa de 7 a 1.

Por que o Barcelona não jogou pelo empate? Por que não fez o futebol tinhoso? Será que foi excesso de autoconfiança?

Seja o que for que tenha acontecido, foi um jogo histórico e que deve servir de estudos e mais estudos, exemplos e mais exemplos de como transformar uma derrota em uma grande vitória.

Eu adoro o Barça, adoro o Messi. Mas não podemos deixar de reconhecer que o Liverpool nos fez lembrar dos Beatles e suas músicas maravilhosas.

Que este jogo sirva como ponto de virada para a economia mundial e para as disputas eleitorais.

Viva o futebol de garra e de solidariedade!

Nenhum comentário:

Postar um comentário