quarta-feira, 2 de maio de 2018

Deram um Golpe de Estado contra um partido em colapso?

Imprensa golpista quer ver o PT morto

Os jornais golpistas agora estão dando mais destaque ao que eles chamam de "colapso do PT" do que a Lula. Os golpistas insistem em passar a ideia de que Lula é carta fora do baralho. Usam inclusive "analistas e professores" para confirmar suas posições ideológicas.

Os golpistas têm medo de cachorro morto?

Se eles consideram Lula fora da disputa,
porque manter tanto ódio contra Lula?


A mesma argumentação vale também da manipulação da direita contra o PT. Apesar de toda guerra midiática contra o PT, em todas as pesquisas, o partido mais querido pelos brasileiros é, com longa vantagem, o PT.

O mesmo acontece com Lula.
Está sempre em primeiro lugar nas pesquisas.
O povo sabe avaliar os governos e os partidos.

Isto só mostra que nossa imprensa não é democrática e reforça o porque a imprensa participou e dirigiu o golpe de Estado e continua mantendo uma ditadura civil-jurídica.

Ontem houve comemoração de primeiro de maio em todo Brasil, com maior destaque para Curitiba. Além de omitir as manifestações a imprensa deu mais destaque às declarações de Jacques Wagner, ex-governador da Bahia.

O fato de se dizer aberto para negociar com Ciro Gomes e o PDT, não significa que o PT desistiu de ter candidato próprio à presidente.

A imprensa quer confundir a militância e esvaziar eleitoralmente o PT.

A palavra final será dos filiados ao PT,

levando muito em consideração a opinião de Lula.

Quanto a autocrítica do PT, ela será feita no processo eleitoral e discutida diretamente com o povo brasileiro. O PT nunca teve medo de prestar contas para o povo.

O mundo reconhece que o golpe de Estado acabou com a democracia e com o compromisso social do governo. Agora quem vem mandando no Brasil são os conservadores, corruptos ostensivos e parte do judiciário a serviço dos golpistas e das empresas multinacionais. Destruiram os empregos, querem acabar com a aposentadoria, privatizaram quase tudo e estão acabando com as políticas públicas.

Venderam a soberania nacional.

Eleições sem Lula é fraude!



Nenhum comentário:

Postar um comentário