sexta-feira, 13 de abril de 2018

Notícias da crise na BRF

Crise de direção afeta desempenho e imagem

E os funcionários e os fornecedores sofrem...

O jornal Valor de hoje apresenta uma boa matéria sobre “a novela” da crise de direção da BRF.

Além da matéria sobre a possibilidade de embargo por parte da União Europeia, há também um destaque ao fato de até os sindicatos de trabalhadores pedirem a saída de Abílio Diniza da presidência do Conselho de Administração.

Com sede em Itajaí, Santa Catarina, os políticos também somam-se ao Fundos de Pensão Previ e Petros para exigir a saída de Abílio.

É importante destacar que a Previ no início (2013) apoiava Abílio, que também contava com o apoio da Tarpon, gestora de recursos.

Agora, depois de tantos prejuízos e denúncias, todos querem a saída de Abílio. Inclusive um fundo de investimento inglês, o Aberdeen, que tem 5% da BRF e está aliada aos fundos.

No próximo dia 26 vamos ficar sabendo a nova composição do Conselho de Administração, e seus reflexos no mercado e na vida dos funcionários e fornecedores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário