quinta-feira, 1 de março de 2018

A Folha em busca do elo perdido?

Reportagem com Lula e com Chico Buarque

Um jornal que já foi moderno e plural, mas que tinha optado pelo conservadorismo ao apoiar o golpe e a campanha difamatória contra Lula e o PT, de repente aparece com duas páginas de entrevista com Lula e uma página de reportagem sobre o show de Chico Buarque em São Paulo.

O quê deu na Folha?


- tentativa de recuperar os leitores petistas que abandonaram o jornal?

- tentativa de tentar voltar a ser plural, em vez de "pensamento único golpista e neoliberal"?

- às vésperas de mais um julgamento contra Lula, tentar passar uma imagem de "boazinha"?

- tentar passar uma imagem de que não está articulando a condenação de Lula e o seu impedimento à eleição?


Estas perguntas também servem em relação ao amigo de Lula, Chico Buarque. Ao semear o ódio contra Lula e o PT, a Folha também contaminou o ódio contra os amigos de Lula e do PT.

Por mais que a Folha tente mostrar autocrítica em relação ao golpe, isto não significa que a Folha desistiu de dar golpes. Afinal, a Folha apoiou o golpe de 64 como apoiou e teve papel relevante no golpe de 2016.

Mas, como sou leitor há mais de 40 anos e assinante há muito tempo, mesmo com seus defeitos, continuo assinando e lendo este jornal que tem coisas iguais ao PT: são chatos, representam o novo no Brasil, mas adoram se aliar com o atraso...

Enquanto a Folha vive em busca do elo perdido, recomendo que leiam tanto a longa entrevista de Lula, como a longa reportagem sobre este grande artista e grande militante que é Chico Buarque.

"Vou voltar, sei que ainda vou voltar, para o meu lugar..."


Ouçam a música Sabiá e deleitem-se com bela poesia e música maravilhosa. Como não gostar de Chico?

P.S.:

Até em relação a João Vaccari, a Folha vem sendo mais cuidadosa.

Saiu em algum lugar na edição de hoje:

"Se fosse só por liberdade o Vaccari não tinha feito a carta que fez nesta semana (inocentando Lula no caso do triplex). Porque é o cara que está preso há mais tempo. E está demonstrando que caráter e dignidade não são compráveis."

Deve ser parte da entrevista de Lula.
Vaccari está preso só por ter sido tesoureiro do PT. Ninguém provou nada contra Vaccari até agora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário