segunda-feira, 8 de janeiro de 2018

Zuza e a trajetória da música brasileira

Quer comprar "Copacabana", o livro de Zuza?

Recomendo em São Paulo, a Livraria da Vila. Mais barato do que a Livraria Cultura. E o ambiente também está melhor...
Além de economizar você pode passar dias lendo um livro agradabilíssimo e que nos reporta à nossa infância. Histórias de Dorival Caymmi, Dick Farney, Nora Ney, Maysa e tantos e tantas outras pessoas interessantíssimas.

No nosso caso, em que nossa mãe canta muito bem e nasceu em 1923, as músicas da sua juventude são as músicas da nossa infância. Incluindo as marchinhas e as religiosas.

E as histórias do tempo que Caymmi levava para compor uma música. Dez anos? Mas, quando ficavam prontas, ficavam maravilhosas. Prestem atenção na música Dora, a rainha do frevo e do maracatu...

E quando se ouve os boleros, brasileiros e latino-americanos? Haja dor de cotovelo...

Além de matar a saudade das músicas, Zuza ainda conta a história do bairro, da cidade, do Brasil e do mundo. Tudo de forma leve e romântica.

Mas o livro é sobre o samba-canção.

No entanto, podemos encontrar muito samba e até tango.
Músicas e histórias de Noel Rosa para depois chegar em João Gilberto e Elizeth Cardoso. Desembarcando na Bossa Nova e depois, já em novo livro, Zuza vai falar do Tropicalismo.

Saravá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário