sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Doria é pior do que Maluf?

Conversa de aposentados no Centro de SP

Aproveitei que quinta-feira foi feriado e vim andar pelo Centro de São Paulo.
Para minha surpresa, ao chegar perto do antigo e famoso Restaurante Guanabara, no início da Avenida São João tinha um grupo de aposentados jogando prosa...

Um declarou todo sentido: "Doria está sendo pior prefeito que Maluf."

Imediatamente todos responderam: "Não senhor, Maluf roubava mais fazia muita coisa. Doria não faz nada, traiu Alckmin e só viaja com o dinheiro do contribuinte, logo, com o nosso dinheiro. De "joão trabalhador" ele não tem nada. Doria é o joão enganador do povo."

Um terceiro, para provocar, ponderou: "Doria está fazendo menos que o Haddad. Este era devagar, mas a cidade conseguiu eleger alguém mais devagar ainda."

Um outro aposentado, malufista convicto, ponderou animado: "Comparar Doria com Haddad ainda pode, mas com Maluf não. Maluf trabalhava muito e botava ordem na cidade e no Estado. Agora os bandidos estão tomando conta de tudo!"

Ao falar de bandidos o aposentado conseguiu reunificar o grupo.

Todos concordaram que a cidade, além de suja e abandonada, está nas mãos dos bandidos. E a polícia diz que a violência está sob controle, mas o povo continua sendo roubado e assassinado.

Mas um dos lembrou que a polícia é de responsabilidade do governador e não do prefeito.


Aí começou outra discussão interminável, transferindo o debate para as críticas à violência, ao transporte, ao trânsito, ao pedágio, ao custo de vida, ao desemprego e aos políticos corruptos, a Temer e seus ministros...

Pronto, esqueceram o Doria, o Alckmin e começaram a debater sobre as pesquisas eleitorais
.

Uma parte comemorava o crescimento de Lula nas pesquisas, outra parte comemorava o crescimento de Bolsonaro, chamando-o de "o novo Maluf que defendia a Rota na Rua. Outra parte dos aposentados reclamava que apoiar Bolsonaro seria apoiar a ditadura militar e que, como aposentados, tinham vividos a outra ditadura.

Aí alguém, que não era aposentado mas ouvia atento a conversa, gritou:

"DITADURA NUNCA MAIS!"


E todos caíram na risada e foram almoçar, afinal, aposentado almoça cedo.
Foram comer no Grill da São João, onde tem um bom self-service e não sai tão caro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário