domingo, 22 de janeiro de 2017

A Primavera Americana

Trump vai perdendo a legitimidade

Quando se ganha no "Colégio Eleitoral", mas se perde na totalidade dos votos do país, como foram as eleições de Bush contra o ambientalista Al Gore e agora Trump contra Hillary, significa que, quem ganha, precisa ser muito cuidadoso para ganhar politicamente a maioria que votou contra quem tomou posse.

Está na hora de, cada pessoa um voto, ser condição necessária para eleger um presidente nos Estados Unidos. Como está na hora de ter mais de dois partidos de massa nos Estados Unidos. Nem tantos como o Brasil que tem 35 partidos, nem tão pouco como os Estados Unidos que disputam para valer apenas dois partidos. Os demais sendo decorativos.

Trump ganhou de forma polêmica, tomou posse de forma polêmica e tudo indica que quer governar de forma polêmica.

Isso é muito ruim para os Estados Unidos. 

Desde a primeira guerra mundial os Estados Unidos assumiram a liderança mundial e teve papel decisivo em todas as polêmicas. Inclusive quando se juntou à China para por limites à União Soviética.

Na segunda guerra mundial, Churchill sabia que, só derrotaria a Alemanha nazista, com o apoio sem limites dos Estados Unidos. Mesmo sabendo que a Inglaterra entraria na guerra como principal potência do mundo e sairia como coadjuvante dos Estados Unidos. O importante era derrotar o nazismo.  Quando Churchill quis levar os Estados Unidos a continuar a guerra, desta vez contra os russos, os americanos não concordaram.

Trump talvez esteja sinalizando que os americanos estão cansados de ser os xerifes do mundo. Manter a NATO é muito custoso e a Europa já não dá tanto retorno que justifique a despesa. Até porque, mais uma vez, os americanos podem estar se compondo com os russos para evitar novas guerras localizadas.

As manifestações de ontem contra Trump, tanto nos Estados Unidos, como no mundo, estão demonstrando que os povos, principalmente os mais escolarizados e em melhores condições de vida, não estão aceitando que os Estados Unidos voltem ao "big stick" (ao grande porrete).

Os povos querem uma democracia globalizada. 
Os povos querem que os governos reconheçam as diversidades.

A ironia é que os governos americanos, inclusive Hillary Clinton, apoiaram grandes manifestações civis e até derrubadas de governos autoritários e também de democraticamente eleitos, em nome de uma NOVA PRIMAVERA.

Agora, como reflexo da integração do mundo, o povo americano, com o apoio de jovens de todo o mundo, volta às ruas exigindo UMA PRIMAVERA, desta vez,  AMERICANA.

Será que Trump vai acabar o mandato?
Será que Trump também vai sofrer um acidente?

Para onde vão os americanos?
Teremos uma NOVA PRIMAVERA?

Ou estamos caminhando para um grande inverno?

Aqui no Brasil o inverno, digo, o INFERNO, já começou...

Nenhum comentário:

Postar um comentário