quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

O Homem do Ano: Emilio Odebrecht

Um herói num país de covardes

Os jornais golpistas dão manchetes informando que o sr. EMILIO ODEBRECHT, cumprira quatro anos de prisão domiciliar - COM USO DE TORNOZELEIRA - decorrente do acordo de DELAÇÃO na Lava Jato.

Este homem brioso, que já tinha deixado suas funções como gestor do seu grande grupo econômico, para socorrer o filho e seus negócios, ofereceu-se a desempenhar o ingrato papel de DELATOR, dedo duro e outra coisas ruins.

Não adianta os fascistas dizerem que ele merece tudo isso em função do que fazia sua empresa. Um dos crimes que sua empresa fazia era doar dinheiro para o PSDB e os demais partidos. Mas, para esses mesmos fascistas, só vale o crime de ter doado dinheiro para o PT. Mesmo que o dinheiro tenha sido registrado no partido e reconhecido pelo TSE - Tribunal Superior Eleitoral.

Mas tem outras falcatruas que não são legais, dizem os mesmos fascistas. Mais uma vez reconhecemos que estas falcatruas abasteceram TODOS os partidos e muitos dos funcionários públicos e de estatais, além de governadores, prefeitos e presidentes. A lei não é igual para todos no Brasil atual. A lei virou conveniência.

O filho do sr. Emilio, Marcelo Odebrecht, também resistiu com bravura.
Mas o prêmio de "O Homem do Ano", merece ser dado a seu pai. 

As entidades patronais, empresariais e mesmo instituições como a OAB, ou apoiaram o golpe, ou se omitiram ante as prisões e exposições ao ridículo de empresários e seus familiares.

Triste o país que passa por tão grande vexame!
Querem passar o país à limpo?
Vamos passar efetivamente tudo a limpo.
Os Executivos, os Legislativos, os Judiciários, as Polícias, as entidades patronais e dos trabalhadores, as Igrejas e os Conselhos Federais.  Vamos passar a Imprensa a limpo?

O tempo vai mostrar quanta mentira e quanta injustiça se cometeu nesse período brasileiro. Ainda vamos recuperar a dignidade nacional.

Os fascistas que foram e vão para as ruas ou para a imprensa combater a corrupção seletiva, agora vão sentir as medidas negativas deste governo ilegítimo. A reforma da Previdência está acabando com a aposentadoria de milhões de brasileiros e brasileiras. As mulheres, os trabalhadores rurais e os jovens serão os principais prejudicados. A recessão está levando milhares de pequenos e médios empresários à falência. O povo está ficando desempregado e sem perspectivas...

Ah, seu Emílio, mesmo sofrendo muito,
não tenha vergonha de seu filho, nem de seus diretores, tenha orgulho! Eles fazem parte da nossa história. Eles são iguais à maioria do povo brasileiro. Os covardes e os fascistas é que são minoria.

Que Deus dê muitos anos de vida ao sr. Emílio, para que ele possa viver para ver o reconhecimento histórico de sua vida e de sua dignidade.

Dias melhores virão...
Como nas guerras, os traidores e covardes sempre aparecem.


Nenhum comentário:

Postar um comentário