segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Senadores envergonhados

Apanharam feio da presidente Dilma

Não foi um jogo da seleção brasileira de futebol.
Foi um momento histórico da política brasileira.

A primeira mulher eleita presidente do Brasil enfrentou e respondeu a todas as perguntas dos senadores e senadoras. O golpe do impeachment foi mais uma vez desmascarado, tanto para a imprensa brasileira como para a imprensa internacional.

Os torturadores, os assassinos à mão armadas e os corruptos, são fortes na calada da noite, nas manipulações judiciais e políticas, são fortes quando estão protegidos pela imprensa, pelas polícias e pela maioria circunstancial.

Dilma deu um show!

O fato de ser honesta, de ser durona, de não ter feito mutretas nem ter contas no exterior, tudo isto pode pesar pouco na contagem dos votos dos senadores. Estamos jogando um jogo de cartas marcadas. Os corruptos e bandidos estão fantasiados de doutores da lei, de arautos do ajuste fiscal e de protetores do empresariado e do capitalismo vassalo. A democracia está sendo violentada por estes mercenários.

Podem decretar urgência urgentíssima na votação, podem votar amanhã, evitando mais constrangimentos para os golpistas. O tempo mostrará quem está do lado dos comprometidos com o povo e quem está ao lado dos entreguistas, mercenários e negocistas.

Podem inventar mais barbaridades contra Lula, Dilma e todos que são do PT. Em 500 anos de governo e mando no Brasil, a direita, os conservadores e neoliberais NUNCA fizeram pelo povo brasileiro como LULA e DILAM fizeram.

O povo, na medida que for constatando a violência e ilegitimidade deste governo, irá reagir exigindo ser consultado. A pressão por novas eleições gerais vai crescer. O povo não vai aceitar que violem seus direitos, nem que o desemprego continue aumentando.

As hienas subestimaram a coragem de Dilma.
Os serviçais da ditadura militar esqueceram que Dilma é guerreira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário