quarta-feira, 29 de junho de 2016

Brasil violento, com desemprego e sem moral

Desemprego, inflação, prisões, violência policial...

Por mais que a imprensa tente esconder, a imagem do Brasil só piora depois que deram o golpe do impeachment.

O desemprego aumenta, a inflação continua alta, principalmente o custo de vida, com os preços subindo na feira e no restaurante.

O "novo" Banco Central já fala que NÃO vai baixar a taxa de juros. 

As denúncias contra o PMDB continuam aparecendo diariamente, a novela Eduardo Cunha não acaba e o Congresso Nacional continua negociando vantagens para os deputados e senadores.

O Judiciário continua sem saber se o Senado vai votar a favor do aumento salarial negociado com o PMDB para facilitar o impeachment. Enquanto não se aprova o aumento, o judiciário continua mandando prender gente de todo naipe, deixando todo mundo inseguro.

Por falar em INSEGURANÇA, 
as PMs continuam a matar crianças e jovens. As mulheres continuam relatando casos de violência, principalmente, estupros. E os universitários estão ficando com medo de voltar a noite para casa.

Agora estão reclamando das Olimpíadas no Rio de Janeiro.
Parece que está tudo dando errado.
Caminha para ser uma vergonha.

O Brasil está com urucubaca. Parece praga!
Inviabilizaram o governo Dilma, deram o golpe, o povo está inseguro, desempregado, sem acreditar em ninguém e sem perspectiva. O povo não quer Dilma, não quer Temer, nem este Congresso que está aí. O povo quer novas eleições gerais. O povo que participar, decidir, ser respeitado. O povo que fazer mudanças profundas no sistema político. Quanto mais demorar, mais o povo vai sofrer.

O povo quer Eleições Gerais, já!

Nenhum comentário:

Postar um comentário