sexta-feira, 13 de maio de 2016

Cultura e Educação juntos para o DEM/PFL/Arena

Os fascistas sempre queimaram livros

No Brasil, desde a ditadura militar, o partido hoje chamado de DEM era o PFL, que foi a ARENA, da época da ditadura militar, originária do golpe militar de 1964.

Acordei preocupado com o fim do Ministério da Cultura e só mais tarde descobri que este ministério foi integrado ao Ministério da Educação e que este caberá à quota do DEM.

Fiquei pensando com meus botões, a direita fascista nunca gostou de cultura. Aqui no Brasil, com o novo governo golpista, este pessoal vai administrar a cultura e a educação?

Será a tragédia grega da atualidade cultural. 
Além do esvaziamento da cultura, teremos a implosão do pouco de bom que temos na educação pública. Aumentará a onda de privatização das escolas, universidades e, principalmente, dos saberes. Agora que vamos ter meritocracia de elite, sem politica de inclusão.

Além de faltar mulheres e negros no ministério,
temos mais este ato de violência contra a cultura popular
e os interesses do povo brasileiro.

E pensar que Cristóvão Buarque votou a favor do golpe?

Realmente nós vamos ter que começar a campanhas por Eleições Gerais, já!
Quando mais demorar para ter eleições gerais, maior será a destruição da nossa cultura, da nossa economia, das políticas públicas e dos direitos sociais.

E ainda vamos ter que suportar a imprensa golpista
fazendo propaganda do novo/velho governo
e alguns juízes fazendo e falando bobagens.

E ainda falam em valorizar as instituições...

Precisamos valorizar e respeitar é o povo brasileiro.


Nenhum comentário:

Postar um comentário