terça-feira, 5 de abril de 2016

Cunha solto e Marcelo Odebrecht preso?

Não estou entendendo nada...

Em qualquer país do mundo, ser grande empresário é um mérito. É claro que cabe ao Estado e à comunidade fiscalizar as empresas, as instituições e às pessoas para evitar excessos e abusos...

O Brasil sempre teve uma tradição de excessos e abusos...  Ficando muito famosa a frase "rouba mas faz". Que vale para políticos como vale também para empresários e funcionários públicos bem sucedidos.

Nesta terça-feira, quando fui trabalhar, ouvi no rádio que o STF ia julgar os recursos do empresário Marcelo Odebrecht. Cheguei à noite em casa e, ao olhar o noticiário, só vejo o deputado Eduardo Cunha questionando a sentença de um juiz do STF.

Será que não julgaram os recursos de Marcelo Odebrecht?
Se não julgaram, o que aconteceu?
Será que o noticiário no rádio estava errado?
No Brasil atual tudo é possível,
até elefante voar...

Com tudo que se fala de Cunha, das listas da Odebrecht, das listas no Panamá e de familiares de FHC e de tanta gente conhecida, passamos a ver quase como normal, um condenado por corrupção coordenar o processo de impeachment e, ao mesmo tempo, um empresário como Marcelo não poder defender-se em liberdade.

Enquanto Marcelo Obedrecht paga o mico da cadeia, pessoas inescrupulosas como os dirigentes da Fiesp, além de não serem solidárias com Marcelo, gastam milhões oriundos de impostos para fazer campanha política contra o governo. Sem contar a fraude do pato Holandês.

Não estou entendendo nada...

Nenhum comentário:

Postar um comentário