terça-feira, 29 de março de 2016

PMDB saiu do governo?

Estão vendendo gato por lebre.

Imagino os milhares de brasileiros e brasileiras que foram às ruas defendendo a luta contra a corrupção e pela moralidade pública e, de repente, estão vendo o PMDB deixar o governo Dilma para voltar logo em seguida com mais poder e mais gana?

O PSDB será coadjuvante. Não mandará. Quem mandará será Temer e o PMDB. Era isto que o pessoal queria? Como ficarão Bolsonaro e Eduardo Cunha? E os mais de 300 políticos da lista da Odebrecht?

Talvez o Judiciário e a PF ganhem aumento de salário e mordomias. Mas os milhões de funcionários públicos terão arrocho salarial e PDVs - Planos de Demissões Voluntárias. Nós já vimos este filme na época de FHC.

O Brasil terá mais inflação, mais custo de vida, menos moradia barata, menos vagas nas universidades, menos saúde e menos escolas públicas. Teremos mais recessão.

Mesmo com tanta ambição de poder e de acesso ao dinheiro das empresas estatais e dos ministérios, o jogo ainda não acabou e nem todo deputado e senador, como também nem todo juiz do STF vai participar desta farra golpista. Cada dia é um dia...

Enquanto a direita comemora a saída fingida do PMDB, as manifestações em Defesa da Democracia e Contra o Golpe continuam em todo o Brasil e também em vários países do mundo.

Impeachment como estão fazendo é mais um golpe latino-americano.

A imprensa mente descaradamente.
Os políticos negociam benesses.
O judiciário tenta "legalizar o golpe".

E a Luta Continua!
Cada dia é uma batalha.
Nossa missão é defender a Democracia!

Nenhum comentário:

Postar um comentário