terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Banco Central: Autonomia não é sinal de estupidez

Aumentar os juros da Selic para que?

Como se não bastasse a crise política e econômica que o Brasil vive, a Imprensa conseguiu criar mais uma.

Como vai decidir o Copom, Conselho de Política Monetária do Banco Central e do Governo?

A imprensa já plantou o dilema:

Se aumentar os juros, o Bacen estará fazendo o jogo dos banqueiros e dos rentistas, aumentando a dívida pública, aumentando o desemprego e a recessão. O Banco Central tem uma tendência a ser mais conservador do que os políticos e governantes, mas não precisa ser estúpido!

Se baixar a taxa de juros, o Bacen estará agradando ao governo e aos movimentos sociais, buscando aumentar a liquidez financeira, a capacidade de empréstimos das empresas e dos consumidores, recuperando a margem de emprego e de salários. Tudo isto diminuindo a recessão.

Se o Banco Central tiver um pouco mais de juízo, nem aumenta, nem diminui a taxa de juros. Aguardando um pouco mais para ver como fica a inflação. Assim não faz o jogo nem dos banqueiros, nem dos movimentos sociais, deixando para o ministro da Fazenda tomar as providências que estimulem a retomada do crescimento econômico.

Para onde vai o Banco Central?

Acompanhe o noticiários nos próximos dois dias...

Nenhum comentário:

Postar um comentário