terça-feira, 5 de maio de 2015

Violência no Paraná de Beto Hitler

Bater em professor é como bater na mãe e no pai

Para a criança, a professora é uma segunda mãe.
Para os pais, a professora é a esperança de um futuro melhor para seus filhos.

O Paraná sempre teve uma Rede de Escolas Públicas que orgulhava o povo do Paraná. No entanto, o governador Beto Richa, depois de ter enganado o povo pedindo votos, resolveu cortar direitos do professores, isto depois das eleições. E mais ridículo ainda é que o governador é do PSDB. Como fica isto FHC?

Os professores, indignados, protestaram e fizeram greve.
O governador, em vez de reconhecer seu erro, mandou a Polícia Militar bater nos professores.

Vejam o resultado de tanta violência... A Violência do Beto Hitler.



O Facebook ficou assustado com tanta violência, e, a mando do governador do Paraná, resolveu censurar a reprodução das fotos.

Em solidariedade aos professores e professoras do Paraná e de todo o Brasil, estamos multiplicando as informações e as fotos sobre a luta pela dignidade dos professores e professoras do Paraná e de todo Brasil.

Que vergonha Beto Hitler!
Que vergonha para o Estado do Paraná!
Um Estado sem educação é um Estado sem futuro.


Nenhum comentário:

Postar um comentário