sexta-feira, 15 de maio de 2015

Mais uma derrota do governo?

Fim do Fator Previdenciário

Como o Brasil anda de ponta-cabeça ou de cabeça para baixo, conforme cada reunião do país, os deputados estão votando sempre ao contrário do que já votaram, fazendo um discurso que não tem nada a ver com seu passado e todos torcendo para ver o Circo pegar fogo, a Câmara Federal mais uma vez votou mais uma Medida Provisória do Governo Dilma e aproveitou para introduzir mais uma confusão.

Ao aprovar novas regras para recebimento de pensões e aposentadorias contidas na MP 664, os deputados votaram uma emenda acabando com o Fator Previdenciário e introduzindo nova regra chamada de 85/95. Números que significam a soma do tempo de contribuição mais a idade do contribuinte, sendo 85 para mulheres e 95 para homens.

A oposição e boa parte dos governistas votaram a favor e 
grande parte dos governistas votou contra a emenda 85/95. 

Pronto: a confusão tomou conta do noticiário, com toda a imprensa dizendo que os deputados são irresponsáveis e que Dilma vai ter que vetar e que foi uma grande derrota para o governo.

Tentei ler os jornais desta sexta-feira mas não consegui ler tudo que precisava. Os sindicalistas estão contentes com a aprovação da emenda, os deputados estão contentes, o governo está sem saber o que falar e a imprensa descendo o cacete. Mais uma sinuca de bico para a presidente Dilma. Que fazer?

Da mesma forma que se divulgou um mundo de mentiras sobre o PL 4330 que autoriza terceirizar tudo, agora a imprensa vai publicar vários estudos dizendo que o mundo vai se acabar se aprovar esta emenda de 85/95.

Como o Corinthians vem perdendo uma depois da outra, o governo vem perdendo menos do que o Corinthians mas vem perdendo mais do que ganhando, talvez seja hora de se dialogar mais e votar menos. É preciso ouvir o clamor do povo e dos governantes.

Por falar em governantes, ontem, quinta-feira, o jornal Valor publicou uma entrevista de página inteira com o governador do Rio de Janeiro, o Pezão. A melhor entrevista de todas já feitas durante este ano de 2015. Amanhã vou mostrar algumas declarações do governador Pezão. Um quadro do PMDB de primeira grandeza.

Perder não é o fim do mundo. Vamos aprender com Pezão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário