domingo, 10 de maio de 2015

As Professoras e o Dia das Mães

As professoras merecem respeito

Tanto na imprensa como nas redes sociais, todos estarão enaltecendo o Dia das Mães. Toda mãe é maravilhosa e tal... Mãe é importante por muitos motivos, mas um deles é fundamental: na educação e formação dos filhos. O pai provê, mas quem educa e forma é a mãe.

Quando a criança cria condições para ficar longe da mãe, o primeiro lugar que vai é a Escola. E, nas escolas, a grande maioria que lá trabalha são... mulheres. Normalmente o primeiro professor é... mulher. Daí, todo mundo ter uma história para contar sobre suas professoras. Os professores masculinos começam a aparecer no ensino médio e nas faculdades. É claro que há uma minoria de homens, mas continuam sendo minorias. Maioria masculina é somente nas faculdades, mesmo assim depende da área. E logo virarão minorias...

Se as professoras são fundamentais na educação e formação das pessoas, porque as professoras ganham tão pouco? Será que nossa educação e formação não são fundamentais para nossa vida profissional e para nosso país? Por que os governadores não pagam um salário decente para as professoras? Alguns respondem que não têm orçamento, não têm verba ou dinheiro para pagar.

Por que não existe verba para a Educação? 
Nem para a Saúde?
Nem para o Transporte Coletivo?
Nem para a Moradia?
Nem para Alimentação barata?

Acontece que os serviços públicos foram privatizados. 
Argumentando que não tinham recursos orçamentários, os governos foram estimulando a criação de Escolas Particulares, Convênios Médicos, uso do Carro Individual em detrimento de Metrôs e Trens, financiamento de imóveis caríssimos e a alimentação industrializada em detrimento da alimentação em agricultura familiar.

Se as famílias precisam ter renda para pagar escola particular cara, convênios médicos caros, manutenção dos carros e celulares, prestação de casa cara, alimentação cara e ainda pagar o "guarda da rua" porque não temos segurança, não tem salário que chegue! E os governantes não se sentem na obrigação de garantir bons salários para os servidores públicos.

Outro aspecto importante é que os orçamentos municipais, estaduais e federal não dialogam entre si. Cada um faz o que quer com o orçamento. Principalmente subsidiar os serviços privados. Todos recebem subsídios dos governos. Educação, Saúde, Transporte, Moradia e Alimentação. Todos são subsidiados, privatizando o orçamento público em detrimento das políticas públicas.

O jornal Estadão de hoje fez duas boas reportagens sobre as campanhas salariais das professoras e sobre a Educação no Brasil. Uma boa homenagem às professoras. Espero que os governantes tomem conhecimento destas matérias do Estadão.

Enquanto os governantes mandam polícias para bater nas professoras,
é importante que a imprensa e as redes sociais continuem lembrando a todos que:

- AS PROFESSORAS são como nossas MÃES.
- São inesquecíveis e imprescindíveis!

Nenhum comentário:

Postar um comentário