sábado, 10 de janeiro de 2015

Dúvidas para 2015: Educação de Qualidade

Quantidade é importante, mais qualidade é fundamental

Da mesma forma que o combate à pobreza é imprescindível, o investimento na qualidade da nossa educação, tanto nas escolas, como nas comunidades e nos locais de trabalho, é imprescindível.

O Brasil de hoje garante vagas escolares para todos os segmentos sociais e em todo território nacional. Porém, quando comparamos nossa qualidade como os demais países do mundo e mesmo da América Latina, ainda estamos atrás de muitos.

Embora seja dado como fato consumado e que não se reverterá tão facilmente, a convivência entre o ensino privado, caro e de certa forma, de melhor qualidade do que as escolas públicas, excluindo aí as Universidades, cada vez mais será difícil se investir nas escolas públicas para estas ficarem melhor e mais acessíveis do que as privadas.

Já com as Universidades, o que constatamos é o contrário, os alunos das escolas privadas passam nos vestibulares das Universidades públicas e os alunos das escolas públicas são obrigados a cursarem faculdades privadas. Ainda mais quando conta com o financiamento do curso, sem risco para as escolas privadas, por terem garantias do governo.

Nesta equação acima, não tem orçamento que dê jeito. A conta não fecha e a população fica desprotegida. A não ser os que têm dinheiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário