sábado, 2 de agosto de 2014

Estadão é mais honesto com Palestinos

Hamas captura militar israelense na Palestina

Está informação a Folha minimizou. 

Já o Estadão mostrou inclusive o local no mapa mostrando que foi em território palestino. O oficial israelense, que não passa de um jovem de apenas 23 anos, embora já seja tenente, foi capturado como invasor. Isto sendo fato, o presidente dos Estados Unidos erra quando exige a libertação do invasor. Teria sentido se o Hamas tivesse invadido o território israelense e capturado o jovem tenente.

Está guerra é tão injusta que o próprio pai do jovem tenente capturado é professor na Universidade de Tel-Aviv, onde leciona história judaica e dirige o Centro de Pesquisa da Diaspora. Os judeus ficam tristes com as suas diásporas mas querem espalhar pelo mundo os milhões de palestinos?

Sou solidário a este pai, como sou solidário a todos os pais que tiveram seus filhos mortos dos dois lados, principalmente as crianças mortas pelas bombas israelenses.

O silêncio dos países é um gesto de covardia.
A fragilidade da ONU é um perigo, por estimular o vale tudo.
A cegueira americana é pior do que a fragilidade da ONU.

Vamos usar as redes sociais e todos os espaços para defender o direito de ter dois países livres e soberanos. Israel e Palestina. Sem massacre e sem dominação unilateral.

O mundo exige o fim da violência israelense!
O mundo exige posição firme da ONU!

O mundo exige a Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário