sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Aécio sumiu da imprensa

Antecipação do segundo turno

Aquilo que estava previsto que aconteceria somente se houvesse segundo turno, isto é, os neoliberais tucanos se juntarem aos "modernos" mais os socialistas "pragmáticos", está acontecendo antes mesmo do primeiro turno. Tudo isto em função do terrível acidente de avião que matou Eduardo Campos.

A imprensa e os financiadores de campanhas conservadoras sempre apoiaram terceiros candidatos contra Lula e Dilma, como forma de obrigar a ter segundo turno e assim forçar negociações nem sempre publicáveis. Principalmente com o tipo de Congresso Nacional e os 33 partidos políticos existentes no Brasil.

Agora, a imprensa mais uma vez está alertando que a candidatura de Marina, no lugar de Eduardo Campos, é a única maneira de garantir o segundo turno. Os empresários e seus economistas já estão à campo pressionando os partidos políticos pragmáticos.

O curioso é que, quando olhamos os jornais de hoje, não há fotografias de Aécio e o nome dele aparece apenas quando se trata da possibilidade de, já no primeiro turno, Marina ter mais votos que Aécio. É um constrangimento que não tem tamanho. FHC sumiu, Aécio sumiu e as "Forças Ocultas" estão soltas, para alegrias de algumas jornalistas menos pudicas.

Da mesma forma que as eleições em São Paulo indicam que serão definidas no primeiro turno, já que Skaf está definhando, as eleições presidenciais, na medida que será um único jogo entre "nós e eles", isto é, quem apoia Dilma/Lula e quem é contra Dilma/Lula, esta polarização levará a disputa a ser definida também no primeiro turno.

Ou a imprensa "recupera" Aécio, ou todo noticiário será apenas sobre Dilma e Marina e os candidatos "nanicos", aí incluída a candidatura de Aécio. Este sim tende a ser "Cristianizado". Será sacrificado literalmente...

Como um conto shakespeariano, as bruxas estão soltas, a imprensa faz o papel dos demônios que estimulam os instintos escondidos na moral cristã e tudo pode acontecer durante o turbilhão emocional. Ou, como diz o matuto sertanejo, o sertão vai virar mar e o mar vai virar sertão, mulher vai virar homem e homem vai virar mulher.

O ideal é que as eleições sejam definidas da melhor forma possível 
e, de preferência, no primeiro turno, para evitar tanta agressão,
tanta manipulação e tanta falta de respeito aos mortos,
seus familiares e ao próprio Brasil.

Tudo isto faz até a gente lembrar de Cazuza.
Mostrem as suas caras....
Mas não faltem com o respeito.
Sejam educativos...

Nenhum comentário:

Postar um comentário