quarta-feira, 23 de julho de 2014

O mundo não é binário

A diversidade faz parte da vida

Não sei porque a história da humanidade é contada da forma binária. O bem contra o mal. O céu contra o inferno. O branco contra o vermelho ou o vermelho contra o negro.

Com o tempo fomos aprendendo que, apesar de na computação o inicio ter sido binário, mesmo na informática o sistema não é apenas binário.

Na política vemos a imprensa tentar impor a visão de que os petistas são maus e a direita é boa. Digo direita porque não é apenas o PSDB que representa a oposição. Basta ser contra o PT que a imprensa apoia. 

Na economia, até o Professor Delfim Neto, no jornal de hoje, veio com a visão binária entre - tudo ao mercado ou tudo ao Estado? Quando sabemos que Delfim sempre foi polivalente e heterodoxo.

Nas religiões a mesma coisa.  Cristãos contra o mundo não cristão. Até constatarmos que a bondade existe em todas religiões, assim como o fanatismo e a violência. 

Que tal, em vez de elegermos partidos, escolhermos propostas e projetos?
Formar um Legislativo de pessoas comprometidas em modernizar o Brasil e seus Estados. Colocar os projetos coletivos acima dos projetos pessoais?

Acho que não é tão difícil! 

Mesmo vendo grandes escritores morrerem...
Mesmo vendo Chico Buarque ir morar na França...
Mesmo vendo o Dunga voltar para a seleção...
Mesmo vendo a violência aumentar nas grandes cidades...
Mesmo vendo a Santa Casa de São Paulo fechar a Emergência...
Mesmo tendo que ficar no Centro até as oito por causa do rodízio...

Apesar de tudo isto, é possível melhorar nossa vida.
O mundo é plural, diverso e cheio de mensagens.
O mundo não é binário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário