terça-feira, 1 de julho de 2014

Chegamos ao segundo semestre de 2014

O Mundo e a Copa estão esquisitos

Cem anos do início da Primeira Guerra Mundial, vinte anos do Plano Real, clima de guerra em Israel, guerra civil no Iraque, Sarkozy, ex-presidente da França é detido para depoimentos, Obama fala uma coisa e faz outra.

A Copa do Mundo pega fogo.

França e Alemanha sofrem para derrotar a Nigéria e a Argélia.
Holanda quase perde para o México.
Brasil quase perde para o Chile.
Colômbia e Costa Rica fazem sucesso nesta Copa.

E o quê vai acontecer nos jogos da Argentina contra Suíça e Bélgica contra USA?
Quem sai e quem fica?
Até agora, todos os primeiros colocados de cada chave derrotaram os segundos colocados. A regra vai continuar valendo nesta terça-feira?

Enquanto isto, no Brasil:
- tem gente comemorando o último dia do ministro Joaquim Barbosa no STF;
- tem gente relembrando o que foi o Plano Real como forma de mostrar que os tucanos também pensaram no Brasil - mesmo privatizando quase tudo e depois fazendo uma desvalorização dopróprio real;
- tem gente dizendo que a economia está falida, mesmo tomando vinhos caríssimos e viajando para o exterior regularmente;
- tem gente dizendo que Felipão está deixando os meninos sem treinar como forma de justificar a baixa qualidade do futebol;
- e tem um monte de políticos fazendo convenções partidárias, alianças esquisitas e loucuras mil.

Para completar, até os entregadores de jornais NÃO entregaram os jornais em casa!
Por isto que este texto está saindo quase na hora do jogo da Argentina contra Suíça.

Haja coração!


Nenhum comentário:

Postar um comentário