sexta-feira, 9 de maio de 2014

Até outubro, só trevas na Imprensa

Ainda bem que temos a Rádio USP

Ler jornais está cada dia mais insuportável. Só notícias ruins nas páginas políticas. Parece que o Brasil está se desmanchando... No caderno de economia, por mais que os editores mostrem matérias de economistas neoliberais propondo o desemprego e o arrocho salarial, eles não podem esconder os grande lucros dos bancos e das empresas.

Ganhar 100 ou 200% de lucro no trimestre é pouco?
Mesmo ganhar 30 ou 40% de lucro é pouco? Quando a inflação é de 6% e os reajustes salariais não passam de 10%?

O problema é que a grande imprensa querem derrotar o PT e Dilma. E farão tudo que for normal e anormal para conseguirem seus objetivos. Nossa imprensa é uma vergonha!

Já na parte cultural, a imprensa não joga baixo. O Estadão de hoje, por exemplo, está muito melhor que a Folha de São Paulo. Tanto no caderno de economia como no Caderno 2.

A cobertura sobre a morte de Jair Rodrigues no Caderno 2 do Estadão dá de dez a zero no Ilustrada da Folha.

Já as estações de rádio de São Paulo, quem está salvando a Pátria é a Rádio USP. Cada música melhor do que a outra. A Rádio Cultura anda contaminada de tucanos chatos e a CBN e a Bandeirantes andam repetitivas.

A Rádio USP consegue fazer com que deixemos de ouvir "notícias", para ouvir músicas...

Para não dizer que não falei de política, o quê mais me chamou atenção na pesquisa da Folha de hoje, foi que a imprensa resolveu bombardear Eduardo Campo. Alguma coisa anda errado nas oposições. Parece que Aécio resolveu se assumir mais como neoliberal e com isto diminuiu o espaço de Eduardo Campos entre os empresários mais gananciosos.

A imprensa está estimulando todas as manifestações de ruas no Brasil inteiro, como forma de desgastar Dilma. A imprensa está protegendo Alckmin na questão da água, da Sabesp e do transporte. A imprensa está estimulando o judiciário a proteger os manifestantes contra Dilma.

E a imprensa não faz nada para combater a violência.
Só noticia sem identificar quem são os responsáveis. As polícias civil e militar servem para quê? O quê os governadores estão fazendo para diminuir a violência nas ruas? Vão dizer que é culpa de Dilma?

Mesmo com tanta baixaria da imprensa, no ritmo que as coisas andam,
Dilma vai ganhar no primeiro turno.
Faltando definir os governadores e parlamentares.

Vamos ganhar estas eleições, com muito trabalho, muita dedicação e mostrando quem defende os trabalhadores e suas famílias e quem faz demagogia através da imprensa. O povo não é bobo.

E se o Brasil ganhar a Copa?
Vão botar a culpa no Felipão?

Um comentário:

  1. A rádio USP é legal, mesmo. Ouça com frequência, pela internet. Jornal eu já não leio faz tempo. Passo os olhos na Folha Online aos domingos. De manhã, é comum ouvir a CBN - é o horário do noticiário local, menos viciado um pouco.
    Portais de notícias: BBC, Brasil 247, até o G1 - pra ver as manchetes e ler uma coisinha ou outra. Redes sociais, alguns blogs. Fico razoavelmente bem informado. Mas ainda não sei bem quem é a tal Sheherazade... hehe

    ResponderExcluir