domingo, 16 de fevereiro de 2014

Flores secas, novos tempos

Estas flores acompanham as estações.

Se vocês pesquisarem no blog, frequentemente elas vão aparecendo.
Primeiro como pequenos botões verdes, depois pequenas flores brancas,
depois flores vermelhas que brotam das flores brancas e, finalmente,
flores escuras, enferrujadas, cansadas e que vão morrendo. 

A prioridade, com as chuvas, vai ser o surgimento de novos galhos,
verdes e fortes, para depois secarem no inverno
e ficarem esperando a primavera. 

Por que dou tanta importância às flores? 
Porque, além de belas, servem para mostrar às pessoas que,
nós, como as flores, também temos nossas estações da vida.
Vários invernos, verões, primaveras e outonos. 

São Paulo, aos poucos, vai saindo do calor infernal
e vai enfrentando as chuvas, as enchentes
e o trânsito também infernal.

Mas os moradores comemoramos a chuva.
Mesmo com suas enchentes e seus apagões...

Enquanto isto, vejam as flores, mesmo que secas.
O verde das folhas é o verde alegria.
Em função das chuvas e das novas esperanças.


Nenhum comentário:

Postar um comentário