segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Carnaval - Trancoso na Vila Madalena

Blocos de Carnaval trazem alegria para São Paulo

Nós que crescemos brincando o carnaval atrás do Trio Elétrico na Bahia, ficamos emocionados ao presenciar milhares de jovens, na maioria adolescentes filhos de famílias da alta classe média paulista, brincando carnaval nas ruas da Vila Madalena.

Na Vila Beatriz, neste final de semana, parecia que estávamos na saída das aulas das escolas Vera Cruz, Santa Cruz e da USP ou Mackenzie. Cada menina ou menino mais bonita(o) que outra(o). São Paulo voltou a ter alegria no Carnaval e esperamos que os blocos se multipliquem nos bairros mais populares.

Na Vila Madalena, ver tanta beleza junta,
parecia fotos de Reveillon em Trancoso na Bahia.
Todos vestidos de branco, tomando chuva,
bebendo cerveja e flertando.

O inconveniente foi que os moradores das ruas principais e as ruas vizinhas precisavam ser avisados com antecedência. Era muito difícil ir à padaria, à farmácia ou mesmo tirar os carros das garagens. Sem contar a sujeira que sobra depois da festa. Para estacionar na farmácia da rua Tabocas era um sufoco.

Nesta segunda-feira, dia 17, li nos jornais que, dos 200 blocos registrados em São Paulo, 59 serão apenas na Vila Madalena.

Será que as festas não poderiam ser nas praças? Cabe mais gente e atrapalha menos os moradores das ruas apertadas da Vila Madalena. Até para comprar pão na Rua Harmonia fica difícil.

Da mesma que o futebol, que era esporte de pobre virou esporte de rico, o Carnaval de Rua, que tinha se transformado em festa popular, agora está recuperando a participação dos ricos. Que sejam bem vindos...

Como dizia Caetano Veloso, época de Carnaval em São Paulo é:
“Chuva, Suor e Cerveja”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário