sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Mandela e Lula, dois grandes símbolos

Dois continentes e duas belas histórias

No final do século XX e início do século XXI o mundo conheceu
os dois maiores líderes dos oprimidos do pós guerra.

Mandela foi maior do que Lula, tanto pela característica da África do Sul, um território negro, ocupado por brancos que usavam da barbárie para excluir a grande maioria da população.

Mandela, além de saber liderar o seu povo, soube pregar a paz, a diversidade, a liberdade racial, religiosa e política. Assim, a África do Sul mantém sua liderança no continente.

O mundo ficará de luto e estará presente na despedida de Mandela. Provavelmente Lula irá com Dilma representar o povo brasileiro.

Lula é o maior líder da América Latina e sempre foi amigo de Mandela.

Vejam que carta afetiva, enviada por Lula quando Mandela completou 95 anos de vida e de histórias.

São Paulo, 18 de julho de 2013

Querido irmão Madiba,



É com enorme alegria e muita emoção que escrevo esta cartinha para cumprimentá-lo por seus 95 anos. Estou seguro de que não o faço apenas em meu nome, mas também dos milhões e milhões de brasileiros que tanto o admiram.



Desde que nos conhecemos em Cuba, mais de vinte anos atrás, cada reencontro com você foi uma nova lição de humildade e de comprometimento com a sorte dos famintos, dos desfavorecidos, dos perseguidos, dos silenciados.



Festejar seu aniversário é uma forma de relembrar os exemplos que você deixou para todos e de celebrar a firmeza e a coragem com que você sepultou para sempre o regime racista da África do Sul, uma nódoa que a Humanidade arrastou por quase meio século.

Aqui no Brasil estamos todos torcendo para que o destino nos permita comemorar seus aniversários ainda por muitos e muitos anos.



O melhor presente que posso lhe oferecer neste dia, querido Madiba, é reafirmar meus compromissos com a nossa África e com a luta para que cada dia mais ela seja um continente rico, democrático, soberano e livre da fome.



Receba o abraço saudoso do




Luiz Inácio Lula da Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário