terça-feira, 19 de novembro de 2013

Música e Política

Granada e a Guerra Suja

Estou há vários dias com uma música na cabeça sem tê-la ouvido.
Quando menos espero, estou cantando a música e não consigo lembrar-me o quê faz com que ela apareça. Depois de muito pensar, cheguei a conclusão que deve ter a ver com o circo criado pelo presidente do STF e a imprensa com as prisões dos políticos do PT.

A Imprensa quer sangue, quer a guerra suja, quer derrubar Dilma nas pesquisas, quer tirar o PT do poder federal, mesmo que para isto precise recorrer a todas as baixarias possíveis e imagináveis. Como não existe guerra limpa, vai a guerra suja mesmo.

Para quem não lembra, Granada foi um marco histórico da Espanha na luta pela libertação da dominação moura, que durou mais de trezentos anos. Com muita guerra os espanhóis finalmente conseguiram voltar a ter a sua Espanha. Para em seguida transformar-se no maior império da época, sendo derrotada posteriormente pelo império inglês.

O Chile está comemorando a vitória do povo contra os conservadores, aqui no Brasil, apesar dos juízes conservadores e da imprensa suja, o país continua melhorando e Dilma crescendo nas pesquisas.

Pensei em mostrar uma versão música orquestrada e com dança, mas lembrei-me de que Lula gosta de Pavorotti e achei esta gravação que já foi ouvida por mais de um milhão de pessoas.

Como não consigo descobrir o porque da música voltar aos meus ouvidos a todo momento, quero compartilhá-la com vocês.
E que Lula também curta seu cantor preferido...

Granada cantada por Luciano Pavarotti



Nenhum comentário:

Postar um comentário