quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Mindlin e sua Biblioteca - Um Mundo em Páginas

Um video maravilhoso

Depois do jantar, cansado e tendo que ir tomar banho, resolvi antes de subir, ligar a TV para dar uma olhada. Num canal que não sei qual é o nome, só sei o número, 113 da Net, deparei-me com Antonio Cândido falando de Machado de Assis e Guimarães Rosa. Parei para escutar e matar a saudade de Antonio Cândido. apertei o botão para ver qual era o programa e o nome era estranho: Biblioteca Mindlin - Um Mundo em Páginas. E quanto mais via mais ficava emocionado. O Brasil ainda produzia belas coisas. Não sei onde podemos comprar o video, mas quem puder vê-lo, procure-o que vale a pena.

Biblioteca Mindlin - Um Mundo em Páginas (DVD)
(Biblioteca Mindlin - Um Mundo em Páginas)

Sinopse:

História da mais importante biblioteca pessoal de livros raros do Brasil e da América Latina, constituída pelo acervo do empresário José Mindlin. Com efeitos de computação gráfica o documentário cria uma espécie de livro eletrônico que conta, através da biblioteca e suas obras, um pouco da história do livro desde a literatura oral até a invenção de Gutenberg e as últimas experiências mais radicais na área, com a informática. E um pouco da história da literatura brasileira e universal.

1. Cantora Maria Bethânia em depoimento e declamando ineditamente e para o documentário poemas de João Cabral de Melo Neto e trechos de obra de Gabriel Soares de souza em dupla com o escritor português, nobel de literatura - José Saramago, que também participa com depoimentos.

2. Jean Claude Carrière - roteirista do cineasta espanhol Luis Bunuel - dando depoimentos e declamando poemas de Rimbaud em francês com legenda em português na versão do poeta Augusto de Campos.

3. Depoimento inédito do cineasta brasileiro Nelson Pereira dos Santos.

4. Participação do ensaísta russo Boris Schnaiderman

5. Participação do ensaísta e crítico de arte Antônio Cândido

6. Participação do historiador - Evaldo Cabral de Melo

7. Participação do poeta Haroldo de Campos

8. Participação entre outros, do próprio José Mindlin, também ele declamando e dando depoimentos.

Nota do blog:
Esqueceram de citar a própria esposa de Midlin. Ambos falando de paquera, casamento, uma vida juntos dedicados a construir a maior e melhor biblioteca privada do Brasil. Além dos filhos muito simpáticos. Tive a oportunidade de conhecer dois.

O que seria dos países e dos povos sem "os sonhadores" e "os realizadores"...

Nenhum comentário:

Postar um comentário