domingo, 18 de agosto de 2013

Flores, Músicas e Notícias

Alegrias e tristezas

Enquanto o mundo continua com suas crises econômicas e suas guerras, as flores e as músicas servem para reanimar a gente.

Mesmo quando a música que a gente esperava na sexta-feira, numa sala como a São Paulo, não é o que você esperava, pelo menos surge uma violinista que faz a diferença positiva.

No sábado fomos assistir a uma apresentação de dança, dirigida por renomado dançarino brasileiro, mas também não entusiasmou como esperávamos.

E no domingo, quando passamos os olhos por dois grandes jornais, como a Folha e o Estadão, vemos matérias que nos decepcionam.

Vivemos num país caro há muito tempo, temos vários tipos de inflação, mas quem ler os jornais fica com a impressão que estamos vivendo um descontrole inflacionário. E os dois jornais dizem que há gente que apoia as mortes e os assassinatos no Egito. É evidente que há gente a favor do golpe e gente contra o golpe. É igual no mundo todo, inclusive no Brasil. Hoje não consegui aproveitar nenhuma matéria dos dois jornais.

Ainda bem que na Vila Madalena temos muitas flores nas ruas.

Hoje vi mais de seis pés de Manacás floridos, dezenas de pés de patas-de-vaca também floridos e muitos pés de Ipês Amarelos começando a florir. Eles estão florindo em toda cidade. Geralmente o pico é em setembro. Mas tudo indica que este ano será em Agosto.

Para mostrar um pouco das flores, como o dia estava nublado, tirei primeiro esta foto das flores no chão. É o Ipê Amarelo de nosso vizinho.



Agora veja parte do pé com algumas flores.


E no final da tarde, passamos horas ouvindo varias versões de danças da Sagração da Primavera mas, na hora de mostrar para vocês, preferi mostrar esta música introspectiva como bem diz o tema e a direção do corpo de dança.

Pina Bausch - "Orfeu e Eurídice"



Já pensaram nossa vida sem música e sem flores?
Só com política e economia?

Ouçam e vejam esta combinação de boa música com dança de primeira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário