quinta-feira, 27 de junho de 2013

Um jogaço em Fortaleza

O melhor jogo desta Copa

A Itália jogou melhor os 90 minutos, a Espanha jogou melhou os 30 minutos da prorrogação e ganhou nos pênaltes.

Um jogo para comemorar. Alguém tinha que perder.

Que a Seleção Brasieira aprenda com os italianos a marcar bem os espanhóis, fazem bons lances longos pelas pontas. Por falar em pontas, o ponta-direita da Itália jogou muito bem. Parecia o futebol dos velhos tempos. Faltou apenas um bom goleador na gande área.

Faltou Neymar no jogo para fazer belos gols de faltas. A Espanha não soube aproveitar as faltas perto da grande área da Itália.

E enquanto a bola rolava, as manifestações aconteciam no Rio de Janeiro e outras cidades.

A festa continua e no domingo o Brasil vai parar para torcer para a nossa Seleção.

Tudo é possível quando o técnico é o Felipão, ajudado por Parreira e Mutosa.

Se segura, Galvão!

Um comentário:

  1. Jogaço, mesmo. A Itália deu uma aula tática. Jogar com 3 zagueiros é com eles mesmos. A Espanha, marcada em cima, partiu para lançamentos longos e bolas altas na área. Há quanto tempo a gente não via isso? No final, faltaram pernas para a "azurra". E a Espanha, com um histórico recente de bater pênaltis mal, não errou nenhum.

    ResponderExcluir