quinta-feira, 20 de junho de 2013

Primavera Brasileira: CUT orienta sua militância

É preciso ouvir o clamor do povo!

"Daqui para frente, tudo vai ser diferente!” diz a música.

A Primavera Brasileira chegou para ficar.


O Brasil acordou e o futuro é agora.

Agora é o MATCH POINT!

A hora é decisiva para o Brasil.
Corremos o risco de aparecerem oportunistas e aventureiros provocando badernas, depredações e saques.
Todas as instituições, comprometidas com a Democracia e a Liberdade,
devem contribuir para preservar a Paz e a Liberdade.

O movimento sindical tem papel relevante
e tem grande capacidade de mobilização e organização,
portanto, pode muito bem ajudar a melhorar o Brasil
e avançar na Democracia Participativa.

Leiam a Nota Oficial da CUT – Central Única dos Trabalhadores.

CUT participará dos atos em todo o país

Orientações para as Estaduais e Ramos da CUT e todos seus filiados

Comunicado Oficial da CUT – 20/06/2013

Considerando que sempre estivemos ao lado dos trabalhadores/as e dos movimentos sociais, a Executiva Nacional da CUT orienta:

1 – Devemos participar das atividades em todo o Brasil, contribuindo de forma organizada, com nossas reivindicações históricas, como a Plataforma de Reivindicações da Classe Trabalhadora, evitando qualquer depredação ou saque e valorizando a mobilização;

2 – É importante que a militância se identifique como CUTista, usando camisetas da CUT, bonés e faixas, sem criar constrangimento para outros movimentos;

3 – Nossa solidariedade ao movimento é fundamental e devemos explicitar isso, por exemplo, levando faixas de solidariedade e colocando nossa infraestrutura à disposição;

4 – Devemos, mais uma vez, valorizar também as negociações com os representantes dos governos municipais, estaduais e federal;

5 – Finalmente reforçamos que devemos evitar qualquer tipo de conflito. O movimento deve continuar pacífico;

A CUT teve papel fundamental na redemocratização do Brasil, na luta dos trabalhadores/as do campo e da cidade, na luta por anistia e pela democratização dos meios de comunicação.

A CUT continua tendo papel fundamental na organização e representação da classe trabalhadora e ao longo destes 30 anos de existência, muita coisa evoluiu no Brasil, mas muita coisa precisa melhorar.
É preciso ouvir o clamor do povo.

São Paulo, 20 de Junho de 2013.


Vagner Freitas
Presidente Nacional da CUT

Sérgio Nobre
Secretário Geral Nacional


Nenhum comentário:

Postar um comentário