terça-feira, 28 de maio de 2013

Sol, Chuva e Flores

O tempo na nossa vida

Ando impressionado como este ano as flores dos ipês estão em menor quantidade que nos anos anteriores. Ainda pela manhã, mudei o caminho para o Centro, só para passar na Rua Purpurina e ver as flores dos grandes pés de ipê que existem nesta rua. Para minha surpresa tinha poucas flores.

Na Rua Fradique Coutinho, na Rua Natingui e em outras ruas, sempre a mesma imagem: Ipês com poucas flores.

Ao pegar a Av. Bandeirantes, achei alguns pés de ipês com poucas flores. Mais na frente, ao pegar a Av. Nossa Senhora da Saúde, no meio de muitos carros, encontrei um pequeno pé de ipê com poucas flores.

Mesmo os ipês dos cemitérios estão com menos flores do que no ano passado.

E por que poucas flores?

Creio que o clima ficou mais seco do que nos outros anos. Só agora começou a chover e a esfriar. Talvez agora, no mês de junho, se houver mais chuvas, as flores apareçam em mais quantidade.

Mas, entre tantas ruas com poucas flores de ipê, o único lugar que as flores estão aparecendo bem é num ipê existente no Parque Dom Pedro. Quando eu passo com o carro sobre os viadutos, a copa do ipê aparece cheia de flores. Mas não posso parar para tirar fotos. Posso apenas olhar rapidamente...

Mesmo com poucas flores nos ipês, meu tempo também anda mais curto para tirar fotografias. Fico só olhando, tristemente e desejando tirar fotos. Aí passei a entender melhor do porque reduzir a jornada de trabalho ser tão importante. Se em vez de trabalhar tantas horas por dia, as pessoas tivessem mais tempo para ler, fotografar e conversar com as pessoas, talvez o mundo fosse mais feliz.

Imaginem que só agora, mais de sete horas da noite, eu consegui um tempinho para escrever o texto de hoje. E não vou poder mostrar flores de ipê. Até teria outras flores bonitas para mostrar, mas hoje não tenho tempo. Apareceu uma viagem de ultima hora para o Rio.

Mas teremos um feriado e eu espero ter tempo para mostrar só flores, sem matérias de jornais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário