quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Santander - 14.980 demissões

Uma vergonha internacional!

Os Sindicatos dos Bancários e a Confederação Nacional dos Bancários da CUT estão fazendo reuniões com o Ministério do Trabalho e o Ministério Público para forçarem o Banco Santander Brasil a abrir os números de demissões e contratações dos funcionários no Brasil em 2012.

Com a maior cara de pau, o Banco Santander diz nas reuniões que, apesar de terem realizados quase 15 mil demissões em 2012, também contrataram 14.692 novos funcionários.

O quê o Santander precisa reconhecer, é que fazer uma política de rotatividade de 28,8% ao ano é um verdadeiro crime! Principalmente por que é no Brasil que o banco arrecada a maior parcela do lucro mundial. Sendo maior inclusive do que na própria Espanha.

Além de que, o Santander não demite e não rebaixa os salários na Espanha, mas, aqui no Brasil, a intenção deliberada de demitir bancários de mais de dez anos de emprego e contratar pessoas com o salário muito menor do que os demitidos, é uma forma deliberada de baixar os custos e desconsiderar o trabalho de seus funcionários antigos.

Quando o Banco Itaú Unibanco demitiu quase dez mil funcionários, todos reclamamos com razão. E olhem que o Itau Unibanco tinham mais de cem mil funcionários. Enquanto o Santander demitiu 14.980 funcionários, sendo que o total de empregados no Brasil é de apenas 51.237. A metade dos funcionários que tem o Itaú ou o Bradesco.

O governo demorou para abrir os olhos.
Os sindicatos reclamaram com muita razão.
Em 2013 todos precisam estar atentos contra as baixarias do Santander
e exigir respeito aos trabalhadores e à sociedade brasileira.

Dilma e seus ministros, incluindo o Banco Central do Brasil,
precisam botar limites no Banco Santander.

Em 2013, não podemos dar moleza ao Santander!
Ou para a rotatividade e as demissões
ou vamos exigir que este banco saia do Brasil!

Interessados não faltam!

9 comentários:

  1. Que desabafo maravilhoso. Talvez todos os que sobraram tenham vontade de soltar a voz assim. É a tal politica de sugar, triturar e cuspir os ossos. Assédio moral em conferences dia sim/dia não, onde são "combinados" objetivos que todos sabem que não poderão cumprir. O duro é dormir e saber que vai escutar m. no dia seguinte. Help !!!!!

    ResponderExcluir
  2. É preciso ter cuidado com os dados / informações. Ainda não entendi o que o Santander fez de tão diferente dos bancos brasileiros, alguém tem informação sobre a rotatividade no Itaú ? E esta questão de deixar o país, será o melhor para os 50 mil funcionários do Santander ? Será que uma possível fusão com outro grande banco garantiria o emprego dos seus funcionários ? E sobre os salários, será que Itaú e Bradesco dão exemplo na hora da remuneração ? É preciso ter cuidado ...

    ResponderExcluir
  3. Que ataque ao Santander ! Mas concordo que a rotatividade tem que ser avaliada em todos bancos. Agora perfeito deve ser o BB e a CEF, não demitem ninguém e emprestam com juros bem baixo !!! Mas estão fazendo tudo isso praticamente com nosso dinheiro, não é ?!

    ResponderExcluir
  4. Se a rotatividade é quae 30%, a cada 3 a 4 anos, será o mesmo tempo médio de vinculo com a Empresa. Para alguns que mantém o adicional de tempo de serviço como parte da remuneração, reduz o volume da folha de pagamento. Mas com certeza, a rotatividade faz com que os novos sejam contratados no inicio da catgoria ou da carreira em prejuizo da qualidade de serviço prestado.

    ResponderExcluir
  5. Só vocês não enxergam que a fusão é IMINENTE!

    Ou vocês acham que a notícia na veja saiu a toa e ficou no ar durante 20 minutos por erro?

    ResponderExcluir
  6. Alguém na Veja teve acesso a informações sigilosas e se preciptaram em divulgar... dificil acreditar que cometeriam um erro tosco desses.

    ResponderExcluir
  7. Calma! O lance da Veja foi um fiasco. Depois ainda falam de sua credibilidade... O mercado de ações é muito sensível a especulações e teve alguns espertalhoes que levantaram uns bons trocos. Quanto a venda: nao tem lógica vender o ponto que dá mais lucratividade... O Santander é comprador...

    ResponderExcluir
  8. O Slogam da compra do Bradesco sera: 70 anos de Brasil, 70 milhoes de contas! (Juntando com as conta do Santaner)

    ResponderExcluir
  9. Funcionários do Santander estamos aguardando a demissões com certeza

    ResponderExcluir