terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Prefeitura de SP - Confusão na Imprensa

A prioridade é a gestão compartilhada. Não é salário.

Já que a Imprensa vem publicando assuntos polêmicos sobre a nossa nova gestão na prefeitura de São Paulo, acho importante a militância, a gestão e a sociedade se posicionarem também publicamente.

Este debate sobre as Subprefeituras começou torto porque se priorizou engenheiros em vez de lideranças comunitárias da comunidade. Burocracia é para dar suporte de gestão, não é para ser mais importante do que as lideranças políticas.

Democracia é política, não é apenas administração. A história do Brasil mostra que “os doutores” governaram por 500 anos e nosso país ficou na pobreza e na má distribuição de renda.

O melhor exemplo de combinação política com gestão quem deu até hoje foi LULA.São Paulo precisa seguir o exemplo de Lula e governar com todos e para todos.

Vejam as matérias do Estadão e da Folha de hoje:

Subprefeituras terão aliados de vereadores

Estadão – 15/01/2013

O prefeito Fernando Haddad (PT) vai nomear aliados de vereadores da base governista para as chefias de gabinete das 31 subprefeituras de São Paulo. Os nomes estão sob análise do secretário de Coordenação das Subprefeituras, Chico Macena, que exigiu pessoas com histórico de liderança comunitária e de "ficha limpa" com a Justiça .

Cada chefe de gabinete de subprefeitura vai ganhar R$ 17,3 mil mensais. O governo recebeu as indicações, mas não adiantou nenhum nome que será contemplado, o que tem provocado ansiedade entre os parlamentares, principalmente na bancada do PT, que havia criticado a nomeação de engenheiros de carreira para comandar as subprefeituras

"O chefe indicado até pode ter apoiado o vereador, mas não é esse o critério.Nosso critério é o da eficiência", argumentou ao Estado João Antonio (PT), secretário municipal de Relações Governamentais.

Questionado se havia recebido nomes indicados por vereadores, Antonio admitiu que sim.

"Estamos recebendo diversos currículos, indicações. Mas ninguém vai assumir função alguma se não nos mostrar que possui competência, experiência e credibilidade", acrescentou.

Aprovações. Haddad também nome ou para comandar a diretoria do departamento de aprovações (Aprov) de prédios residenciais da Secretaria Municipal de Habitação a funcionária de carreira Arlete dos Anjos Grespan - ela assume função que foi de Hussain Aref Saab, afastado sob suspeita de enriquecimento ilícito.

Arlete trabalhou na equipe de fiscalização de Aref, entre 2007e 2008, e já havia comandado a aprovação de empreendimentos residenciais em São Paulo na gestão Marta Suplicy (2001-2004).

------------

Vereador indicará chefe de gabinete em subprefeitura

15 de janeiro de 2013 - Folha de S. Paulo | Cotidiano | BR

O secretário de Coordenação de Subprefeituras, Chico Macena (PT), está recebendo indicações de vereadores para chefiar os gabinetes em cada uma das regionais. Cada chefe de gabinete pode ganhar até R$ 17 mil.

Os parlamentares também poderão indicar outros assessores, mas não coordenadores de obras, fiscalização, administração e finanças, que são cargos-chave nas subprefeituras.

Os nomes são apresentados ao secretário de Relações Governamentais, João Antonio, e, posteriormente levadas a Macena. João Antonio disse, porém, que as nomeações atenderão a critérios técnicos e podem ser recusadas. "Nenhum vereador vai mandar na prefeitura, nenhum."

Ontem, João Antonio se reuniu com integrantes do PR. "Vou me reunir com todos os da base aliada", afirmou. Haddad tem o apoio de 40 dos 55 vereadores.

PAINEL – Folha S.Paulo – 15/01/2013.

Ato... Depois do protesto de petistas, líderes da Igreja Católica contestam critérios de escolha dos subprefeitos em São Paulo. "Não pode ser um burocrata que pega o carro às 17h e vai embora pra casa. Fernando Haddad prometeu que seria alguém do bairro, para motivar a comunidade local", diz o padre Antonio Marchioni, o Ticão.

... de contrição O prefeito nomeou para a administração regional de Ermelino Matarazzo, área de atuação do padre, Cláudio Toshio Itinoshe, que mora na Mooca.

Nota do blog:

Precisamos "Orar e Vigiar, Sempre".



Um comentário:

  1. Realmente Gilmar, as pessoas tem que se posicionar especialmente os militantes do partido de onde tem que partir o exemplo, cobrar da administração as propostas e projetos pelo qual o elegemos e que irá beneficiar o conjunto da populção de SP e consequetemente a classe trabalhadora...n~so deixemos as intrigas do PIG contaminar nossos princípios!!!!

    ResponderExcluir