segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Lula e Hobsbawm - Dois Símbolos Mundiais

Um fala do outro

O maior historiador do século XX, e o melhor presidente que o Brasil já teve.
Dois Símbolos da Humanidade.

No dia 14 de Abril do ano passado, poucos dias depois de começado a vida deste blog, divulguei o encontro de Lula com Robsbawm, e as palavras carinhosas deste Historiador brilhante para nosso líder maior dos trabalhadores brasileiros.

Agora Hobsbawm partiu para "dar aula no Céu" e Lula continuará aqui contribuindo para a melhoria do Brasil e do Mundo, particularmente da África.

Leiam as sábias palavras de Hosbawm sobre Lula

e depois leiam as sábias palavras de Lula sobre Hobsbawm.

DOIS SÍMBOLOS MUNDIAIS
Publicado no Blog em 14 de Abril de 2011.

Eric Hobsbawm: - "Lula ajudou a mudar o equilíbrio do mundo".

Lula continua em sua intensa agenda internacional. Na quarta-feira encontrou-se em Londres com o Eric Hobsbawm, historiador britânico e um dos mais importantes intelectuais da atualidade, ainda na ativa aos 94 anos. É autor de livros clássicos como "A Era das Revoluções", "A Era do Capital", "A Era dos Impérios" e "A Era dos Extremos".

Lula e Hobsbawm foram convidados pela Organização Não-Governamental britânica OXFAM para uma conferência sobre rumos para diminuição da desigualdade social no mundo. Antes disso, se reuniram na casa embaixador brasileiro Roberto Jaguaribe para uma conversa entre companheiros.

Hobsbawm elogiou muito Lula ao falar com a imprensa após o encontro:

"Lula ajudou a mudar o equilíbrio do mundo ao trazer os países em desenvolvimento para o centro das coisas... fez um trabalho maravilhoso não somente para o Brasil, mas também para a América do Sul... Eu o conheci primeiro em 1992, muito tempo antes de ser presidente. Desde então, eu o admiro. E, quando ele virou presidente, minha admiração ficou quase ilimitada. Fiquei muito feliz em poder vê-lo de novo."

Sobre o novo papel de Lula, o historiador disse:

"... claramente Lula está ciente de que entregou o cargo para um outro presidente e não pode parecer que está no caminho desse novo presidente... Acho que Lula deve se concentrar em diplomacia e em outras atividades ao redor mundo. Mas acho que ele espera retornar no futuro. Tem grandes esperanças para [tocar] projetos de desenvolvimento na África, [especialmente] entre a África e o Brasil. E certamente ele não será esquecido como presidente."



Esta foto deve fazer parte do acervo mundial.

De Lula para a esposa de Eric Hobsbawm.

São Paulo, 1° de outubro de 2012

Prezada Senhora Marlene Schwartz

Acabo de receber, com profunda tristeza, a notícia do falecimento do seu marido, o querido amigo Eric Hobsbawm, um dos mais lúcidos, brilhantes e corajosos intelectuais do Século XX.

Desde que o conheci pessoalmente, muitos anos atrás, recebi de Eric, como ele preferia que eu o tratasse, incontáveis manifestações de estímulo à implantação de políticas que incorporassem os trabalhadores aos benefícios e à riqueza produzidos pelo conjunto da sociedade brasileira.

Ao longo da última década, li com um sentimento de orgulho as entrevistas em que ele atribuía ao nosso governo a responsabilidade por “mudar o equilíbrio do mundo e levar os países em desenvolvimento para o centro da política internacional”.

Quatro meses atrás, poucos dias antes de completar 95 anos, Eric Hobsbawm enviou-me, por um amigo comum, uma carinhosa mensagem. “Diga ao Lula para seguir lutando pelo Brasil”, disse ele, “mas não se esquecer jamais da sofrida África.” A partir de agora meu comprometimento com os irmãos africanos passará a ser, também, uma homenagem à memória de seu marido.

Mais que um privilégio, foi uma honra ser contemporâneo e ter convivido com Eric Hobsbawm.

Receba e, por favor, transmita aos filhos, netos e bisnetos dele as minhas homenagens.

Luiz Inácio Lula da Silva

2 comentários: