terça-feira, 18 de setembro de 2012

Ainda temos as Rosas

E esperança nos nossos corações

A economia anda de lado, a imprensa trabalha com versões e as pessoas ficam sem saber em quem confiar. Há uma crise de credibilidade.

Os jornais fazem campanhas eleitorais, policiais matam e morrem sem saber por que, juízes esquecem suas funções e vivem da demagogia midiática e os candidatos falam, falam e falam. Parece que a população está indiferente a tudo ou cansada de tudo.

As pessoas já não falam, não conversam, apenas olham. Pode ser mau presságio... O nazismo começou assim na Europa.

Apesar de tudo isto, quando passo na Vila Madalena ainda encontro casas antigas, com moradores antigos e que gostam de cultivar flores antigas. Sim, as rosas são tão antigas quanto a humanidade.

Vejam estas rosas maravilhosas da Vila Madalena.


Cores especiais para uma rosa especial.

Esta Rosa branca, apesar se sentir cansada, ainda é bela.



Já estas rosas são rosa, isto é, rosas de cor rosa.
Parecem rimas de Dorival Caymmi.



E estas “Rosas ao Sol”?



Tudo isto na Vila Madalena.

Agora veja esta última foto, simplesmente Divina!



Além das fotos das rosas das casas simples da Vila Madalena, também temos as rosas de Cartola, elas não falam, simplesmente exalam o perfume e o sentimento de que é preciso acalmar o nosso Brasil, é preciso restabelecer a paz e a esperança.

CARTOLA - "As Rosas Não Falam" - 1976



Podemos nos unir por algo novo, tanto para São Paulo, como para o Brasil.
Um novo inclusivo, tolerante e participativo.
O Brasil pode continuar ajudando a mundo a encontrar um novo caminho.
É só ter um pouco de esperança no coração de cada um.

Nenhum comentário:

Postar um comentário