quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Morre um Herói - Nosso Manolo

A vez de cada um

Estava finalizando o almoço com colegas da CUT quando recebi o telefonema com a noticia da morte de Manolo. Não acreditei, gaguejei mas tive que engoli a verdade. Chegou a vez de Manolo.

Todos perdemos um pedaço da nossa vida. Manolo faz parte da nossa história e temos milhares de histórias sobre Manolo para contar. Ele era especial, com seu humor e seus “causos”. Fez muitas greves, participou de milhares de reuniões e piquetes. Fez História.

Sua esposa, que foi advogada do nosso sindicato e hoje é assessora jurídica da Contraf estava acompanhando as negociações com os banqueiros, levando o Comando Nacional a suspender imediatamente os trabalhos. Todos estamos de luto.

Depois daremos mais informações. Por enquanto, leiam o comunicado da Contraf e do Sindicato dos Bancários de São Paulo.

Comando suspende negociações com morte do ex-dirigente sindical Manolo

A segunda rodada de negociação da Campanha 2012 entre o Comando Nacional dos Bancários e a Fenaban foi suspensa nesta quarta-feira 15, em razão do falecimento do ex-dirigente sindical Manoel Castaño Blanco, conhecido como Manolo, marido da assessora jurídica da Contraf-CUT, dra. Deborah Regina Rocco Castaño Blanco.

As negociações serão retomadas na próxima terça-feira, dia 21, às 10h.

O Comando terminava as discussões sobre saúde com a Fenaban, às 13h, quando a dra. Deborah, que participava da mesa de negociação, recebeu a notícia da morte do marido, vítima de acidente vascular. O Comando solicitou então a suspensão da rodada de negociação, que continuaria à tarde e nesta quinta-feira, para discutir segurança bancária, igualdade de oportunidades e remuneração.

Ex-funcionário do Banco Safra, Manolo foi diretor do Sindicato dos Bancários de São Paulo de 1991 a 2002, onde comandou as Secretarias Jurídica, Cultural e de Imprensa. Foi também um dos responsáveis pela criação da Comissão de Segurança Bancária do Sindicato nos anos 1990.

Manolo tinha 51 anos e deixa dois filhos, Beatriz e Diogo. O horário e o local do sepultamento serão comunicados pela Contraf-CUT assim que forem definidos.

Consternada, a Contraf-CUT manifesta sentimentos de apoio e solidariedade aos amigos e familiares de Manolo e da dra. Deborah.


4 comentários:

  1. Eu vou comentar...E também vou chorar.

    Sinto Muito ter chegado a vez do Manolo. Ele não foi presidente do Sindicato, não teve seu nome amplamente projetado, não foi expoente máximo, mas foi essencial em muitas ocasiões.

    Uma das caracterísitcas fortes do sindicalismo bancário, destacada nas narrativas acadêmicas, prende-se a tradição de realizar manifestações com caráter lúdico.

    Essa vivacidade foi, em muitas e muitas ocasiões, forjada e construída pelas mãos deste companheiro que hoje nos deixa.

    Quem conheceu o Manolo sabe do seu potencial criativo, do seu humor, da sua ironia... Inteligente, a seu modo (humano e também errado como todos nós)deixou sua marca nos bancários, na história do sindicalismo brasileiro.
    Manolo, você não pode me ouvir,mas aqueles que nos lêem podem. Meus parabéns e obrigada.
    Ana Tercia

    ResponderExcluir
  2. Estou estarrecido com essa notícia. Dificil de acreditar que aquela figuraça do Manolo tenha viajado fora do combinado. Só tenho lembranças boas deste que tivo como amigo no Sindicato. Me lembro até hoje da convenção do bco. Safra la no sindicurso (Florencio de Abreu) que indicou ele como representante. Ainda não me caiu a ficha. Perdemos um grande amigo e companheiro. Saudades e até breve meu amigo Manolo!
    Paulo Arnoni

    ResponderExcluir
  3. Quero falar de um amigo.....

    Amigo é difícil hoje dia definir alguém como seu AMIGO, e na politica isto se torna mais difícil ainda ,temos colegas , companheiros , adversários , mas amigos são poucos.eu posso dizer que era amigo do Manolo, ME TROUXE PARA SINDICATO , FOI RESPONSAVEL DIRETO POR ESTE FATO QUE MUDOU MINHA VIDA, ME ACONSELHAVA, POR MUITAS VEZES ME GUIOU POR ESTE CAMINHO DIFICIL, hoje me sinto um pouco órfão, um pouco sem uma coluna importante das bases da minha vida. Perdemos um dos caras mais inteligentes que eu conheci, perdemos uma pessoa de criatividade de rapidez de pensamento impressionante .Confesso que estou muito muito triste mesmo , busco um pouco de alegria para agradecer pois tive a oportunidade de te conhecer , pois tive a oportunidade de trabalhar com você , tive a oportunidade de ver pelo lado do bancário o quanto era dura a sua luta como sindicalista, e ter a certeza de que ela não terminava nunca quanto vim para diretoria do sindicato. Manolo você confiou em mim, você acreditou em mim, você bancou meu nome e fez a politica e os movimentos necessários para que eu hoje estivesse aqui. Fico contente de por muitas vezes ter te agradecido, fico contente de ter conhecido sua família de saber o Pai incrível que você foi e sempre será , pois continuará vivo na memoria do seus filhos e de sua esposa e nossa amiga Débora. Meu amigo de Banco Safra , amigo de Sindicato, amigo da vida , no que depender das minhas crenças e orações seu caminho será traçado de muita luz e me conforta imaginar que agora temos do outro lado da vida alguém que vai continuar brigando como brigou na terra para melhorar a vida de muitas pessoas , que na maioria das vezes nem sabiam o quanto você foi importante. Vai meu amigo segue seu caminho e mande sempre que possível sua ajuda para todos aqueles que ficaram e já estão sentindo sua falta. Paro por aqui minha fala feita com o coração, morrendo de vontade de contar todas as aventuras que passos e as que eu ouvi de você. De novo dentro da minha crença vá com Deus pois sei que ele vai precisar de você deste lado e só por este motivo tirou você de todos nos.

    Meu perfil Amigo Anonimo
    minha assinatura seu sempre Amigo Flavio Monteiro Moraes

    ResponderExcluir
  4. Querido cunhado, mesmo vc sendo um "pentelho" sentiremos demais sua falta. Te amamos!!! E olha por todos nós e principalmente pela sua gordinha Dedé e seus filhotes Bia e Dioguinho.Fica em paz... Guardaremos em nossa memória os momentos alegres que vivemos...e principalmente o nosso último encontro no Dia dos Pais!!!!! Amamos você!!!!!!

    Paty e Karin Rocco

    ResponderExcluir