terça-feira, 15 de maio de 2012

Pão de Açúcar - Vingança do Casino

Na posse do Socialista, Casino notifica Pão de Açucar

Coisa de rico birrento.
Provavelmente o predador francês e presidente do Grupo Casino apoiou Sarkozy. Como este perdeu as eleições para os socialistas, e nós apoiamos os socialistas, o predador francês aproveitou o clima da posse francesa para retaliar Abilio Diniz. A Folha, não sei por que, ficou do lado do predador francês.

Estou preparando esta matéria às 20:48h, da segunda-feira, dia 14.
Não tem problema, nós respeitamos as regras do jogo.

Como diz nosso querido Chico Buarque:
Amanhã, vai ser outro dia.
Apesar da derrota de Diniz,
a vitória da França mudará os rumos da Europa e do mundo.

Se a França voltou a sorrir. Outro dia também sorriremos.

Vejam a matéria da UOL – Folha:

Casino informa Abilio Diniz que irá controlar Pão de Açúcar

UOL – Folha – 14/05/2012 - Atualizado às 19h50.

Antecipando-se ao prazo previsto, o grupo francês Casino comunicou o empresário Abilio Diniz que exerceu hoje o direito de adquirir uma ação ordinária da Wilkes, a holding que controla o Grupo Pão de Açúcar.

Segundo o Casino, o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) também foi informado da aquisição das ações.
O Casino comprou o controle do Grupo Pão de Açúcar em 2006, mas o comando seria transferido somente após 22 de junho.

O exercício de compra só se efetiva (transferência das ações em posse de Abilio Diniz) caso Abilio Diniz não exerça seu direito de venda de cerca de 1 milhão de ações da Wilkes, algo que poderia ocorrer até 22 de agosto deste ano.
No comunicado, o varejista francês informou ainda que já notificou Abilio Diniz, presidente do conselho do Grupo Pão de Açúcar, de que Jean Charles Naouri, presidente do Casino, será o presidente do conselho da Wilkes após o dia 22 de junho.

Abilio Diniz, em nota, afirmou que não foi notificado e que, portanto, não se pronunciará à respeito.

No dia 22 de junho também ocorrerá uma mudança na composição do conselho de administração do Grupo Pão de Açúcar. Hoje, cada lado tem cinco conselheiros. Agora, serão sete representantes do Casino e três da família Diniz. Além deles, haverá quatro conselheiros independentes indicados em conjunto.

Um comentário:

  1. Gilmar, temos que atendar para o debate que está posto, com a internacionalização de nossa economia. O Abilio Diniz esta sendo vítima de sua propria ganancia quando montou a arquitetura de seu grupo empresarial e não calculou adequadanente as possibilidade de futuro. Que está aqui no presente.
    E este fato esta acontencendo em outros grupos nacionais, que tomaram o caminho mais fácil de conseguir dinheiro ( e não musculatura para ganho de escala) e abandoram a prudencia da sobrevivencia, e estão entregando de mão beijada na forma de S.A.

    Saudações

    Wagner Moraes

    ResponderExcluir