sexta-feira, 27 de abril de 2012

Guardiola para Técnico do Corinthians

Barcelona anuncia saída de Guardiola

O problema do Corinthians não é o goleiro, é o técnico.

Já que o Corinthians jogou dinheiro fora com Adriano,
pode muito bem fazer um bom investimento e fazer uma boa oferta para contratar Guardiola.

Assim o Corinthians pode disputar e ganhar uma “Libertadores”.
Além de projetar o futebol brasileiro para o mundo.
Afinal, quem sabe um técnico europeu ajude a recuperar a imagem do futebol brasileiro.

Vamos lá, Corinthians!
Procurem o Guardiola, já que quer ser um Barcelona!

Após quase quatro anos e 13 títulos,
Barcelona anuncia saída de Guardiola
Do UOL, em São Paulo, 27/abril/2012

Depois de muita especulação, o Barcelona anunciou nesta sexta-feira a saída de Pep Guardiola. O técnico decidiu não renovar seu contrato, que acaba ao final da atual temporada. O clube espanhol agradeceu o treinador, que deixa o comando da equipe após quase quatro anos e 13 títulos.

GUARDIOLA JUSTIFICA DECISÃO DE DEIXAR O BARÇA: "O TEMPO DESGASTA TUDO"

"Informo que Guardiola não continua como treinador do Barcelona na próxima temporada. Obrigado, Pep, por ter nos apresentado um modelo de futebol que nunca mais pode ser questionado. Obrigado, Pep, por ter sido o melhor treinador da história do clube", disse o presidente Sandro Rosell, do Barcelona.

"Não é uma situação muito fácil para mim. Vou tentar explicar o que sinto. (...) Comunico uma decisão que tomei faz tempo", afirmou Guardiola na entrevista coletiva. Treinador das bases do Barcelona, Tito Vilanova vai assumir o comando do clube.

Apesar de Guardiola afirmar que tomou a decisão de deixar o comando do Barcelona há muito tempo, o presidente Sandro Rossel revelou que manteve a esperança até essa semana que o treinador mudasse de ideia e continuasse na Catalunha. "A esperança é a última coisa que perdemos nessa vida", argumentou.
Antes mesmo da entrevista coletiva do treinador, a imprensa espanhola já dava como certa a sua saída. Segundo o jornal Marca, Guardiola se reuniu com os jogadores na manhã desta sexta-feira e comunicou a sua decisão: “Meninos, deixarei o Barça”,teriam sidos as palavras do técnico.

A saída de Guardiola ganhou força após os recentes resultados do Barcelona. Em uma semana, o time catalão perdeu o clássico para o Real Madrid em casa e viu o rival ficar com a mão da taça do Espanhol, e caiu na semifinal da Liga dos Campeões para o Chelsea.

Guardiola chegou ao Barça em junho de 2008 para substituir o holandês Frank Rijkaard e deu início a uma das fases mais vitoriosas da história do clube da Catalunha. A filosofia de jogo adotado pelo técnico encantou o mundo e passou a ser espelho para os demais clubes.

5 comentários:

  1. Fiquei imaginando. O Pep treinava o Barcelona, vai treinar o Corinthians. Seu time jogava no Camp Nou, vai pro Pacaembu. Disputava o Campeonato Espanhol, vai pro paulistinha. Lutava na Champion's League, vai se esfalfar na Libertadores. Morava em Barcelona, vai virar mais um feliz habitante de Sumpaulo, a capital caipira.

    É caso para suicídio justificado.

    ResponderExcluir
  2. Um ano ganhando muito dinheiro, pode ajudar um bom técnico a superar algumas derrotas. Guardiola fica morando em São Paulo e frequenta as praias do Rio...

    Brasil agora é primeiro mundo, até os cantores estão vindo para cá todos os anos...

    ResponderExcluir
  3. Grande Gilmar Carneiro!

    Até que enfim posso ler seus escritos sobre o Corinthians.

    Fiquei imaginando se a Ponte toda Preta havia retirado sua paixão corintiana. De tão calado desde aquela derrota acachapante com três gols da Macaca.

    Mas que nada! Você voltou e com toda a força de seus pulmões já grita para a Diretoria contratar Guardiola.

    Tomara que eles te ouçam! Se ouvirem, haverá esperança de assistirmos, em breve, um verdadeiro futebol, um balé pelos gramados brasileiros (e paulistanos), substituindo esse pé na bola botinudo que tanto nos cansa. O Corinthians é um desses protagonistas, com 12 partidas vencidas por 1 a 0 neste ano.

    Por isso que tomar três gols da Ponte é goleada, ainda que tenha descontado dois.

    ResponderExcluir
  4. Gilmar,

    Concordo com voc^. Se o Falcão pode ser técnico do Bahia, o Guardiola pode ser do Corinthians. Mas eu já tava pensando em trazer ele pra seleção.

    Abs

    Vitor(Caffè)

    ResponderExcluir
  5. Gilmar, se todo o problema fosse o técnico o Palmeiras estaria pelo menos na libertadores.

    ResponderExcluir