terça-feira, 27 de março de 2012

As flores, o telefone e a internet

As fotos de flores não envelhecem

Alguma coisa está fora da ordem ou no meu I-phone ou na UOL. Eu tiro as fotos e as envio para meu e-mail, mas elas estão demorando até mais de trinta dias para chegar. Hoje, por exemplo, chegaram copias de fotos de janeiro! Pelo jeito vou ter que consultar um técnico para tentar descobrir os mistérios.

Esta modernidade quando chega ao Brasil, chega mais cara do que nos outros países e ainda não funciona direito. Temos uma conhecida morando em Paris que tem um sistema de Internet, telefone inclusive interurbano para o Brasil e TV a cabo, tudo junto ela paga apenas 33 Euros por mês. O nosso sistema sem direito a telefone interurbano, custa mais de 500,00 reais por mês. E não venham me dizer que é por causa dos impostos. Tem impostos e tem muitas outras coisas como Agências Reguladoras, oligopólios e outras coisas mais. É o Brasil!

Neste domingo, dia 25, tirei várias fotos da “Lágrimas de Cristo” de nossa casa. Elas estão muito bonitas.
Como não sei quando vão chegar no e-mail, via UOL e Aple,
resolvi mostrar duas fotos antigas, isto é, de fevereiro passado.

Vejam primeiro este cacho de Lágrimas de Cristo. Bem bonitinho!



Agora vejam esta foto de Nandina colorida.



A Vila Madalena continua com muitas flores,
apesar da violência nos Estádios de Futebol e dos Arrastões nos prédios.
Ainda bem que ainda temos as flores.

Aproveito para registrar que recebemos a visita de mais um país.
Desta vez foi o Peru, representando o número 61.

Nenhum comentário:

Postar um comentário