quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Telemann a Flauta Doce

E o Instituto de Artes da UFRGS

Outro dia eu estava voltando para casa e quando eu liguei o rádio do carro, na Cultura FM, comecei a ouvir uma música muito bonita. Fiquei prestando atenção para ver de quem era a composição e, no final, o locutor disse que era de Telemann. Concerto para Flauta Doce e Cordas. Fiquei de pesquisar para divulgar, ainda mais por que meu irmão é um grande divulgador dos vários tipos de Flauta Doce.

Hoje, depois de reclamar da baixaria da nossa imprensa, pensei em colocar no blog uma música para alegrar as pessoas. Pensei em Pixinguinha, Tom Jobim, ou ainda em Gilberto Gil cantando “Aquele Abraço”, que eu ouvi hoje cedo na Rádio USP.

Finalmente lembrei-me da música de Telemann e resolvi pesquisar. Achei esta versão do Concerto para flauta doce. Além de ser bonita é uma apresentação do Recital de Formatura em Flauta Transversa do pessoal do Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Muito bonita e valoriza nossos artistas do Sul.

Por falar em nossos artistas, Antonio Meneses, grande violoncelista brasileiro que mora na Europa, estará tocando com a OSESP em novembro deste ano. Outro dia veio cantar no Brasil uma amiga nossa que canta ópera em Colônia, na Alemanha. Para nós ela é Martinha. Grande amiga dos velhos tempos.

Chega de conversa saudosista e vamos ouvir nossos artistas da UFRGS e aprender a gostar de Telemann. Vale a pena. E leiam o Caderno 2 do Estadão, tem sempre boas matérias sobre música e arte.

Telemann - Concerto para flauta doce, flauta transversa e orquestra em mi menor.
I. Largo
II. Allegro
III. Largo
III. Presto
Lucia Carpena, flauta doce
Luiz Fernando Barbosa Jr, flauta transversa
Fagner Magrinelli e Caroline Frauches, violinos
Caroline Argenta, viola
Gabriela Bock, violoncelo
Gabriel Nunes, contrabaixo
Fernando Cordella, cravo
Recital de Formatura em Flauta Transversa
26 de junho de 2010, 18h
Instituto de Artes da UFRGS


3 comentários:

  1. Vejam só: o grupo é do Rio Grande do Sul, mas o flautista é baiano, nosso conterrâneo, colega da grande flautista Ane Morgana! Está fazendo Mestrado.

    ResponderExcluir
  2. Na verdade é ao contrário! Ele é gaúcho, e está fazendo mestrado aqui na Bahia! Por isso é meu colega... rs

    Ane M M

    ResponderExcluir