sábado, 21 de janeiro de 2012

Você já tirou férias?

Ou já vendeu férias?

Parece mentira, mas tem muita gente que vende férias e fica dois três anos sem tirar férias. Só trabalhando.

Depois, quando fica doente e é demitido da empresa, não sabe o quanto as férias poderiam ter evitado a doença e o cansaço.

Por isto, as férias devem ser obrigatórias.
Para os trabalhadores, o ideal é que quando for sair de férias, o salário seja pago com um adicional, assim, além de pagar as despesas normais, ainda sobra um dinheirinho para viajar. Caso contrário, quando voltar das férias só vai ter dívidas para pagar e o mau humor volta.

Por falar em férias, existem alguns feriados e dias comemorativos que podem ajudar muito no repouso e no lazer das pessoas.

Por exemplo, Natal e Ano Novo quando caem no sábado ou no domingo, é uma tristeza! Como as pessoas podem viajar, participar das festas, voltar de viagem como se fosse um fim de semana normal? É impossível! Deveria ter mais um dia, na segunda ou na sexta, para as pessoas poderem viajar com mais calma e segurança.

Mas o mundo moderno, com a informática e o telefone celular, está diminuindo as férias e a vida privada das pessoas. Cada vez mais, estamos levando trabalho para casa e nos fins de semanas, isto por que sempre estamos olhando o computador e atendendo o celular.

Também precisamos aprender a tirar férias do computador e do celular.
E dar mais atenção aos familiares, aos amigos e às flores.

Um comentário:

  1. Eu não tiro férias há quatro anos, Gilmar. É o que dá, estar aposentado.

    ResponderExcluir