quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Flores de São Paulo

E da Mata Atlântica

São Paulo também tem suas flores típicas.
Desde abril de 2010 eu tenho publicado fotos das flores das ruas, praças e jardins da Vila Madalena e dos bairros vizinhos.
São flores bonitas e das mais variadas espécies.

Tem um tipo de flor e de árvore, que eu não sei o nome, mas que faz parte do nosso bairro, da nossa cidade e de parte importante do nosso estado. É uma árvore típica da Mata Atlântica e que aparece muito na Serra do Mar. Quando a gente vai para a praia, vemos em quantidade as flores desta árvore chamando a atenção no meio da mata virgem. As construtoras ainda não destruíram a Serra do Mar. Estas flores sempre aparecem no verão.

Eu sempre pensei em mostrar estas flores, mas faltava oportunidade. Hoje, aniversário de São Paulo, feriado municipal, quando fomos caminhar no Parque Villa Lobos, fiquei observando a quantidade de árvores e de flores fomos encontrando tanto na ida como na volta. Eram caminhos diferentes, mas as flores e as árvores estavam presentes. Quando voltamos, aproveitei para dar uma volta por perto de casa e tirar umas fotos para voces.

Vejam a beleza destas flores!


Vejam esta pequena praça!
Tem árvores grandes e pequenas, tem nossa árvore da Mata Atlântica com muitas flores e temos também várias roseiras. E quem cuida da praça são os moradores do entorno em parceria com a prefeitura.
Um bom exemplo para toda a cidade.


Percorri várias ruas perto de nossa casa e encontrei várias cores
da mesma flor e da mesma árvore.
Vejam que estas são rosas...


Vejam mais este caso.
A luz do sol faz com que as cores mudem e fiquem mais bonitas.


E estas flores brancas e rosas, fazem parte do mesmo galho. Está numa parte alta da árvore e não foi fácil tirar as fotos, por causa da luz do sol.
Mas as flores parecem borboletas vivas...


Estas flores são como nossa cidade de São Paulo, tem gente de todas as cores, de todos os lugares, restaurantes de todos os tipos e regiões do mundo.

Se é uma cidade de imigrantes, que aprenderam a amar a cidade, podemos ampliar a parceria comunidades e prefeitura e transformar a cidade de São Paulo em um grande jardim, com empresas, famílias, escolas, parques, pássaros e muita gente passeando, caminhando, andando de bicicletas e sendo solidárias e respeitosas.

Para quem não vive ou não conhece São Paulo, quando vê a gente reclamando do trânsito ou da violência urbana, imagina que nós não gostamos daqui. Ledo engano, o morador de São Paulo aprende a ser rabugento desde cedo.
Mas, adora ver a nossa cidade florida e com pouco trânsito num feriado.

Um comentário: